SSS Fardamentos Serrinha

SSS Fardamentos Serrinha

TERRENO

NÃO PERCA ESTA OPORTUNIDADE!

VENDE-SE UM TERRENO MEDINDO DUAS TAREFAS. TABULEIRO ÓTIMO PARA CHÁCARA PRÓXIMO À CAIXA D'ÁGUA EM BANDIAÇU, CONCEIÇÃO DO COITÉ-BA, COM ÁGUA ENCANADA, ENERGIA ELÉTRICA E INTERNET PRÓXIMAS (
Contato com Cival Anjos: 75-99121-4433)

terça-feira, 19 de outubro de 2021

PGR pede ao STF para aprofundar investigação que apura se Renan Calheiros recebeu propina da Odebrecht

Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado

A Procuradoria-Geral da República (PGR) pediu nesta segunda-feira (18) ao Supremo Tribunal Federal (STF) para aprofundar as investigações do inquérito que apura se o senador Renan Calheiros (MDB-AL) recebeu R$ 1 milhão em propina da construtora Odebrecht em 2012.

Em julho, a Polícia Federal concluiu inquérito aberto em 2017 e disse ao STF ter indícios de que Renan recebeu R$ 1 milhão em propina da Odebrecht em 2012. A PGR e a defesa de Calheiros se manifestam no Supremo contra o indiciamento.

As investigações da PF apontam que a suposta vantagem indevida teria sido paga em 2012, em troca da aprovação de uma resolução no Senado que tratou de benefícios concedidos pelos estados a produtos importados, discussão conhecida como “Guerra dos Portos”.

Agora, a Procuradoria pediu que o Supremo envie ofício para que o Senado detalhe a aprovação da resolução e informe, especificamente, a atuação de Renan no caso, como eventuais emendas feitas ao texto.

A PGR também solicitou informações sobre o lobista Milton Lyra, apontado como suposto operador de Renan no caso. A Procuradoria solicitou à Polícia Legislativa registros de entrada e saída e os locais no Senado por onde o lobista passou. A PGR também pediu que empresas áreas repassem dados sobre os deslocamentos de Lyra entre maio e junho de 2012.

Do Portal NS/Fonte: g1

Nenhum comentário: