SSS Fardamentos Serrinha

SSS Fardamentos Serrinha

TERRENO

NÃO PERCA ESTA OPORTUNIDADE!

VENDE-SE UM TERRENO MEDINDO DUAS TAREFAS. TABULEIRO ÓTIMO PARA CHÁCARA PRÓXIMO À CAIXA D'ÁGUA EM BANDIAÇU, CONCEIÇÃO DO COITÉ-BA, COM ÁGUA ENCANADA, ENERGIA ELÉTRICA E INTERNET PRÓXIMAS (
Contato com Cival Anjos: 75-99121-4433)

sexta-feira, 29 de julho de 2022

PT-BA homologa candidaturas de Jerônimo e de deputados para as eleições de 2022

PT-BA homologa candidaturas de Jerônimo e de deputados para as eleições de 2022
Foto: Divulgação

O Partido dos Trabalhadores da Bahia homologou, em convenção nesta sexta-feira (29), as candidaturas de Jerônimo Rodrigues, candidato da legenda ao governo do estado, de 27 candidatos a deputados federais e de 30 a deputados estaduais.

 

A convenção da chapa majoritária governista, que além de Jerônimo, terá Geraldo Júnior (MDB) como candidato a vice-governador e Otto Alencar (PSD) a senador, será realizada neste sábado (30), às 9h, no Parque de Exposições, em Salvador.

 

Presente na convenção do PT nesta sexta, Jerônimo Rodrigues falou sobre o orgulho de representar o projeto de Lula, Rui Costa e Jaques Wagner na Bahia e se comprometeu a fazer uma gestão comprometida com os anseios da Bahia para que o estado possa dar novos saltos.

 

“O PT vai ter um governador professor, negro, descendente de índio, nascido na roça, de origem pobre, filho de uma costureira e um vaqueiro. Nenhum partido a não ser dos campos da esquerda fazem isso”, afirmou Jerônimo, ao falar sobre a importância da implementação de políticas públicas para garantir inclusão e comida na mesa dos baianos.

 

Entre os 57 candidatos aos parlamentos federal e estadual, 20 são mulheres, sendo 10 postulantes à Câmara dos Deputados e 10 na briga para a Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA).

 

A secretária de Mulheres do PT Bahia, Jazian Mota, reafirmou o compromisso do PT com as candidaturas femininas para fortalecer a ocupação dos espaços de poder pelas mulheres.

 

“Vamos nos empenhar para garantir um grande número de companheiras eleitas nesse processo eleitoral, porque nós somos maioria na sociedade, mais de 52% da população brasileira e a gente precisa cada vez mais ocupar esses espaços de poder, sobretudo na política, porque se a gente precisa reconstruir o Brasil isso não será possível sem a participação efetiva de nós mulheres”, disse Jazian.


Do Portal Bahia Notícias

Nenhum comentário: