SSS Fardamentos Serrinha

SSS Fardamentos Serrinha

TERRENO

NÃO PERCA ESTA OPORTUNIDADE!

VENDE-SE UM TERRENO MEDINDO DUAS TAREFAS. TABULEIRO ÓTIMO PARA CHÁCARA PRÓXIMO À CAIXA D'ÁGUA EM BANDIAÇU, CONCEIÇÃO DO COITÉ-BA, COM ÁGUA ENCANADA, ENERGIA ELÉTRICA E INTERNET PRÓXIMAS (
Contato com Cival Anjos: 75-99121-4433)

sexta-feira, 8 de julho de 2022

Pela Série B, Bahia sai atrás, mas arranca empate com o Vila Nova fora de casa

Pela Série B, Bahia sai atrás, mas arranca empate com o Vila Nova fora de casa
Foto: Bruno Queiroz / EC Bahia

Com um gol aos 41 minutos do segundo tempo, o Bahia arrancou o empate com o Vila Nova, no OBA, nesta sexta-feira (8), pela 17ª rodada da Série B do Brasileirão. O Tigre abriu o placar com Pablo Dyego, mas Gregory deixou tudo igual. 

 

O resultado mantém o Tricolor, que não teve uma boa atuação, na terceira colocação da competição, com 30 pontos. O Vila, por sua vez, permanece na lanterna, com 13, sem vencer há 12 jogos. 

 

O Esquadrão agora vira a chave e jogará, na próxima terça-feira (12), contra o Athletico-PR, pela Copa do Brasil. Como perdeu o primeiro jogo, na Fonte Nova, por 2 a 1, a equipe treinada por Enderson Moreira terá de reverter o resultado. 

 

O JOGO 

O Vila Nova teve, logo aos 9 minutos, uma grande chance. Matheuzinho cobrou escanteio no primeiro pau e Daniel Amorim subiu para cabecear no travessão. 

 

Enquanto isso, o Bahia apresentava dificuldades para sair jogando. Perdendo bolas no campo de defesa, o Esquadrão se viu recuado diante do adversário, que se manteve com a posse nos primeiros minutos. 

 

A primeira chegada de relativo perigo do Tricolor foi também em cobrança de escanteio, aos 17 minutos. Após cobrança de Lucas Mugni, Ignácio desviou para fora. 

 

Aos 23, Matheus Bahia fez boa jogada pela esquerda e encontrou Mugni. O argentino cruzou na área e o zagueiro do Vila Nova cortou para trás, mandando para escanteio. 

 

No minuto seguinte, um lance polêmico. Daniel Amorim acertou uma cotovelada nas costas de Ignácio e levou cartão amarelo. Os jogadores do Bahia pediram o vermelho. 

 

Aos 33 minutos, Arthur Rezende mandou uma bomba de fora da área. A bola foi em cima de Danilo Fernandes, mas o goleiro preferiu não arriscar e espalmou para fora. 

 

A última chegada do primeiro tempo foi do Vila Nova. Matheuzinho fez boa jogada pelo meio, invadiu a área, deixou Ignácio no chão e chutou colocado para a defesa de Danilo. 

 

Segundo tempo

 

A etapa final começou com um lance feio para o lado do Bahia. Aos três minutos, após cruzamento na área, o atacante Daniel Amorim dividiu com o goleiro Danilo Fernandes e, sem intenção, acertou o joelho na cabeça do goleiro tricolor. 

 

Quem assustou primeiro no segundo tempo foi, novamente, o Vila Nova. Aos 16 minutos, Daniel Amorim, sempre ele, recebeu na entrada da área e mandou uma bomba. A bola passou perto da trave de Danilo Fernandes e bateu na rede pelo lado de fora. 

 

O gol saiu aos 18 minutos. Após cruzamento da esquerda, Moacir ajeitou de cabeça na área, Pablo Dyego apareceu sozinho e empurrou a bola para dentro, sem chance para Danilo Fernandes. 

 

O técnico Enderson Moreira tentou substituições para reverter o resultado. Tirou Rodallega e Miqueias e colocou Davó e Gregory. O time conseguiu melhorar. Aos 36, após cobrança curta de escanteio, Gregory chegou na área e Jacaré chegou de cabeça dentro da área para mandar para fora. 

 

O empate saiu aos 41 minutos, com Gregory. Após falta cobrada na área, o meia pegou a sobra e mandou em cima da defesa. No entanto, um bate-rebate na área deixou a bola novamente nos pés do jogador, que mandou para dentro. 

 

FICHA TÉCNICA
Vila Nova 1 x 1 Bahia
Série B - 17ª rodada
Local: OBA, em Goiânia
Data: 08/07/2022 (sexta)
Horário: 19h
Árbitro: Caio Max Augusto Vieira (RN)
Assistentes: Jean Marcio dos Santos (RN) e Rener Santos de Carvalho (AC)
VAR: Igor Junio Benevenuto de Oliveira (RJ)
Cartões amarelos: Daniel Amorim (Vila Nova) / André, Rildo e Matheus Bahia (Bahia)
Gols: Pablo Dyego (Vila Nova) / Matheus Bahia (Bahia)

Vila Nova: Tony; Moacir (Pedro Bambu), Alisson Cassiano, Renato e Formiga; Rafinha, Arthur Rezende (Ralf) e Pablo (Marlone); Matheuzinho (Jefferson), Daniel Amorim (Diego Tavares) e Pablo Dyego. Técnico: Allan Aal.

 

Bahia: Danilo Fernandes; André (Douglas Borel), Ignácio, Luiz Otávio e Matheus Bahia; Patrick, Miqueias (Gregory), Daniel (Marcelo Ryan) e Mugni; Rildo (Vitor Jacaré) e Rodallega (Matheus Davó). Técnico: Enderson Moreira.


Do Portal Bahia Notícias/por Nuno Krause

Nenhum comentário: