SSS Fardamentos Serrinha

SSS Fardamentos Serrinha

TERRENO

NÃO PERCA ESTA OPORTUNIDADE!

VENDE-SE UM TERRENO MEDINDO DUAS TAREFAS. TABULEIRO ÓTIMO PARA CHÁCARA PRÓXIMO À CAIXA D'ÁGUA EM BANDIAÇU, CONCEIÇÃO DO COITÉ-BA, COM ÁGUA ENCANADA, ENERGIA ELÉTRICA E INTERNET PRÓXIMAS (
Contato com Cival Anjos: 75-99121-4433)

quinta-feira, 9 de dezembro de 2021

CBF admite erro da arbitragem em pênalti não marcado para o Bahia contra o Flu

CBF admite erro da arbitragem em pênalti não marcado para o Bahia contra o Flu
Foto: Max Haack / Ag. Haack / Bahia Notícias

Após o Bahia fazer uma representação, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) reconheceu que o árbitro Luiz Flávio de Oliveira e a sua equipe erraram ao não marcar pênalti para o Esquadrão de Aço no jogo contra o Fluminense, no último domingo (5).

 

No lance, o atacante Gilberto cabeceou e a bola pegou no braço do atacante Caio Paulista. Ele estava com o membro superior levantado e de costas.

 

"Nota-se pelas imagens do clip lançado no Portal do Árbitro da CBF, que o defensor, ainda que não de modo deliberado, praticou a infração. Com efeito, em que pese, inicialmente, o jogador haver pulado para tentar cabecear a bola, sua ação foi praticada com os braços muito abertos, ampliando o espaço do seu corpo e, assim, em posição antinatural, porque incompatível com o movimento para jogar. Além disso, após a bola passar por si e retornar em sua direção, conquanto, agora, estivesse de costas, ainda manteve os braços bem abertos, o que caracterizou a denominada ação de bloqueio, pois não estava mais disputando a bola", explicou a ouvidoria, que também citou o VAR.

 

"No que toca ao VAR, o equívoco não se justifica por nenhum viés. Com efeito, se as imagens lhe  foram disponibilizadas e revelam que a posição do braço do defensor era incompatível com o movimento realizado para jogar ou para tentar jogar a bola, sua atuação não poderia ser outra senão recomendar a revisão", acrescentou.

 

O Bahia pediu o áudio e vídeo do lance na visão do árbitro de vídeo e o pedido vai ser atendido pela entidade máxima do futebol nacional.


Do Portal Bahia Notícias/por Ulisses Gama

Nenhum comentário: