SSS Fardamentos Serrinha

SSS Fardamentos Serrinha

TERRENO

NÃO PERCA ESTA OPORTUNIDADE!

VENDE-SE UM TERRENO MEDINDO DUAS TAREFAS. TABULEIRO ÓTIMO PARA CHÁCARA PRÓXIMO À CAIXA D'ÁGUA EM BANDIAÇU, CONCEIÇÃO DO COITÉ-BA, COM ÁGUA ENCANADA, ENERGIA ELÉTRICA E INTERNET PRÓXIMAS (
Contato com Cival Anjos: 75-99121-4433)

sábado, 13 de novembro de 2021

No Google, ex-detenta dá avaliação positiva para delegacia: ‘Experiência que vou levar para a vida toda, fora os amigos que fiz aí dentro’

Foto: Reprodução/Google

Uma ex-presidiária fez uma avaliação elogiosa ao 89º Distrito Policial – Portal Do Morumbi, Zona Sul da capital paulista, que viralizou nas redes sociais nesta sexta-feira (12).

“Fui presa dia 10/01/2019 o tempo (sic) de que fiquei presa na 89 DP fui muito bem atendida não (sic) mim faltou nada pelo contrário, todos são bem educados, até os carcereiros, então foi uma experiência que vou (sic) leva pra toda vida fora os laços de amizade que fiz aí dentro, Deus abençoes vocês”, escreveu Denize na avaliação.

O g1 esteve na delegacia e confirmou que Denize Viana foi mesmo presa no local, mas no dia 11 de janeiro de 2019 e não no dia 10, como ela escreveu na avaliação. O motivo foi falta de pagamento de pensão alimentícia. Ela ficou 30 dias presa no local.

Até a tarde desta sexta-feira (12), o post em uma rede social com a avaliação de Denize já acumulava mais de 55 mil curtidas.

Na carceragem do 89º Distrito Policial, as presas podem ficar de cinco a 30 dias, período que pode ser renovável por mais 10 ou 60 dias. O local tem capacidade para receber 20 presas ao mesmo tempo, oferece três refeições diárias e banho de sol.

O delegado afirmou que ele e a equipe ficaram surpresos e felizes com a avaliação positiva da ex-presidiária.

“A gente fica contente porque apesar de as pessoas estarem passando por um momento difícil, de serem presas, estão sendo bem tratadas. Ficamos felizes de atender bem. Tentamos tratar da melhor forma possível para que essas pessoas possam passar por isso de maneira melhor”, afirmou.

Depois dos 30 dias encarcerada, Denize não foi presa nunca mais, de acordo com o delegado.

Do Portal NS/Fonte: g1 SP

Nenhum comentário: