SSS Fardamentos Serrinha

SSS Fardamentos Serrinha

TERRENO

NÃO PERCA ESTA OPORTUNIDADE!

VENDE-SE UM TERRENO MEDINDO DUAS TAREFAS. TABULEIRO ÓTIMO PARA CHÁCARA PRÓXIMO À CAIXA D'ÁGUA EM BANDIAÇU, CONCEIÇÃO DO COITÉ-BA, COM ÁGUA ENCANADA, ENERGIA ELÉTRICA E INTERNET PRÓXIMAS (
Contato com Cival Anjos: 75-99121-4433)

sexta-feira, 19 de novembro de 2021

Ferrovia Bahia-Minas e projeto que envolve expansão de Porto, Aeroporto e Rodovias no Extremo Sul da Bahia são debatidos na ALBA

O deputado estadual Osni Cardoso realizou, nesta quinta-feira (18), audiência pública sobre a reconstrução da antiga Ferrovia Bahia - Minas e o ‘Projeto Multimodal Caravelas’. O debate, realizado através da Comissão de Infraestrutura, Desenvolvimento Econômico e Turismo da ALBA, discutiu propostas de reestruturação da malha ferroviária e a oportunidade de desenvolvimento da Bahia, Minas Gerais e Espírito Santo, através da Multimodal Caravelas (MTC) e seu projeto de expansão/construção de Porto, Zona de Processamento de Exportação (ZPE), Aeroporto e Ferrovia.

“Já tivemos, no passado, a existência da Ferrovia e do Porto de Caravelas. Hoje estamos procurando uma ressurreição desse modelo e agregando situações diferentes. A Ferrovia tinha um traçado rudimentar, com muitas curvas, e hoje é um traçado mais moderno. O aeroporto não existia na época, hoje já existe”, disse o diretor da MTC, Fernando Cabral, acrescentando que a demanda de carga da região é de 12 milhões de toneladas e, portanto, não faltaria movimento.


Deputado Osni, proponente da audiência, ressaltou a importância do projeto para a geração de empregos na Bahia. “A gente pode estar, de alguma forma, mexendo no principal indutor do Extremo Sul da Bahia e de uma parte dos estados de Minas Gerais e Espírito Santo. Estamos falando da reativação de um aeroporto, estamos falando de um porto, de uma ZPE e de uma ferrovia. Tudo isso pode motivar a capacidade daquele território, desde a produção de alimentos até minério. Eu vi aqui um engajamento muito grande, todo mundo querendo gerar desenvolvimento, principalmente agora, que falta emprego, condições para o povo. Quanto mais investimento a gente fizer em áreas estratégicas, podemos responder às demandas do momento”.

Deputado estadual de Minas Gerais e presidente da Comissão de Ferrovias, João Leite falou sobre a experiência positiva de seu Estado com o investimento em malhas ferroviárias. “Temos a primeira shortline, que faz escoamento da produção de café no sul de Minas. Por rodovia, são transportados 30 mil containers. Com a shortline, que ligará Varginha a Lavras, passaremos para 100 mil containers. Um detalhe: é 60% menor o custo do frete. No Brasil, sofremos com frete rodoviário, sendo que o ferroviário é mais barato”.

Também estiveram presentes os deputados estaduais da Bahia Robinho, Rosemberg Pinto e Jusmari Oliveira, os deputados federais Joseildo Ramos e Paulo Magalhães, o prefeito de Caravelas, Silvio Ramalho, o Superintendente de Planejamento e Logística de Transportes da Secretaria de Infraestrutura do Estado da Bahia, Mateus Dias, o Coordenador Executivo da Casa Civil da Bahia, José Carlos Valle, o vice-prefeito de Teófilo Otoni-Mg, Dr. Eder Detrez, o vice-prefeito de Teixeira de Freitas-Ba, Yuri Fernandes, o presidente do Consórcio Construir, Manrick Teixeira, a Superintendente Ferroviária de Minas Gerais, Vânia Cardoso, e o Diretor de Relações Institucionais da Federação Baiana de Consórcios, Wellington Santos.


Da Assessoria de Comunicação do deputado estadual Osni Cardoso


Nenhum comentário: