SSS Fardamentos Serrinha

SSS Fardamentos Serrinha

TERRENO

NÃO PERCA ESTA OPORTUNIDADE!

VENDE-SE UM TERRENO MEDINDO DUAS TAREFAS. TABULEIRO ÓTIMO PARA CHÁCARA PRÓXIMO À CAIXA D'ÁGUA EM BANDIAÇU, CONCEIÇÃO DO COITÉ-BA, COM ÁGUA ENCANADA, ENERGIA ELÉTRICA E INTERNET PRÓXIMAS (
Contato com Cival Anjos: 75-99121-4433)

quarta-feira, 21 de abril de 2021

Concurso interno vai acelerar promoção de soldados e cabos a sargentos na PM-BA

Concurso interno vai acelerar promoção de soldados e cabos a sargentos na PM-BA
Foto: Fernando Vivas/ GOVBA

Soldados e cabos da Polícia Militar da Bahia (PM-BA) poderão subir de patente e chegar a sargento em menor tempo. O governador Rui Costa (PT) e o comandante-geral da PM, Paulo Coutinho, apresentaram nesta terça-feira (20) novidades relacionadas à carreira na corporação. 

 

Segundo Coutinho, um projeto que será enviado à Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA) pelo governo estadual prevê o retorno do curso de formação de sargentos. Deste modo, soldados e cabos poderão chegar a formação de sargento em menor tempo, através de um concurso interno.

 

Na avaliação do comandante da PM, essa possibilidade é “um grande ganho para o profissional que tem um nível intelectual e tem condição de fazer esse concurso ainda muito cedo na instituição”. O concurso interno não vai interferir no número de vagas do curso especial de formação da patente. “Ou seja, é uma porta a mais, uma condição a mais dos policiais militares ascenderem no curso de praças”, destacou o comandante.

 

Também está previsto no projeto a ampliação do curso de formação de tenentes auxiliares. Coutinho ressalta que o governador autorizou a formação de duas turmas por ano. “Nós estaremos concluindo uma no dia 23 de junho e já iniciando a segunda turma de 2021 com mais 100 policiais militares”, anunciou. O novo fluxo ainda vai possibilitar que os subtenentes ascendam e façam o curso para ser oficiais.

 

ALTO CUSTO

Após o comandante-geral da PM apresentar as mudanças realizadas no fluxo de carreiras, o governador Rui Costa (PT) revelou que foi questionado pelos secretários da Fazenda e da Administração se tinha noção dos gastos previstos com o projeto. "Governador, o senhor tem dimensão do custo disso? Orçamentário e financeiro. Não é pequeno", disse, citando a pergunta feita pelos gestores.

 

O petista não divulgou os valores concretos, mas frisou que o projeto da PM é fruto de um esforço "bastante expressivo" onde as vagas da corporação serão efetivamente ocupadas.

 

"Isso, evidente, tem um esforço fiscal, orçamentário, financeiro, mas eu entendo que nós estamos realizando e materializando aquilo que eu acredito que pra qualquer carreira profissional, independente de ser pública ou não, as pessoas precisam se ver na carreira, se ver progredindo. É da natureza humana as pessoas quererem subir a escada de sua carreira profissional", defendeu.

 

Para regulamentar as mudanças, ele anunciou o envio de uma nova lei de promoções na Polícia Militar e Da lei de recriação do curso de sargento para a Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA).


Do Portal Bahia Notícias/por Ailma Teixeira / Jade Coelho

Nenhum comentário: