SSS Fardamentos Serrinha

SSS Fardamentos Serrinha

TERRENO

NÃO PERCA ESTA OPORTUNIDADE!

VENDE-SE UM TERRENO MEDINDO DUAS TAREFAS. TABULEIRO ÓTIMO PARA CHÁCARA PRÓXIMO À CAIXA D'ÁGUA EM BANDIAÇU, CONCEIÇÃO DO COITÉ-BA, COM ÁGUA ENCANADA, ENERGIA ELÉTRICA E INTERNET PRÓXIMAS (
Contato com Cival Anjos: 75-99121-4433)

quarta-feira, 3 de março de 2021

Wesley Pionteck é especulado no Vitória e revolta parte da torcida; entenda

Num momento de enormes especulações nas equipes do futebol brasileiro, um nome surgiu como possível reforço do Vitória e dividiu opiniões na torcida rubro-negra, onde uma parte dela está revoltada e a outra prega o perdão. 

Isso porque Wesley Pionteck, atacante que atuou pelo Botofogo-SP na última temporada, agrediu a ex-mulher em janeiro de 2019 e em outubro do mesmo ano foi condenado a um ano e quatro meses de prisão em regime aberto. Na época a defesa do atleta recorreu, mas a decisão foi mantida em segunda instância tempos depois.

A especulação de Wesley Pionteck no Vitória fez com que torcedores enviassem mensagens para Paulo Carneiro, presidente do Leão, repudiando a mesma. O atual mandatário rubro-negro, em áudio compartilhado pelo WhatsApp, comparou Wesley com a situação do goleiro Jeanzinho, que também agrediu a ex-esposa em 2019 e atuou na temporada passada. Além disso, PC não descartou contratar um jogador nessas condições.

“O presidente de vocês tem senso de justiça. Não quer ser a Justiça, mas tem senso de justiça. Se tiver que contratar um jogador nessas condições e ele já cumpriu sua pena... Ele não pode estar na sociedade por quê? Se a Justiça já deu a ele essa condição?”, disse Paulo Carneiro em áudio viralizado no WhatsApp.

Nesta manhã uma página de torcedores rubro-negros chamada “Vitória da Deprê” publicou a possível contratação do jogador e revoltou grande parte da torcida que comentou o fato. Uma outra parte defende a contratação, alegando, em sua maioria, que todos merecem uma segunda chance e perdão pelos seus erros.

CONFIRA A REPERCUSSÃO:

Do Portal Galáticos Online


Nenhum comentário: