SSS Fardamentos Serrinha

SSS Fardamentos Serrinha

TERRENO

NÃO PERCA ESTA OPORTUNIDADE!

VENDE-SE UM TERRENO MEDINDO DUAS TAREFAS. TABULEIRO ÓTIMO PARA CHÁCARA PRÓXIMO À CAIXA D'ÁGUA EM BANDIAÇU, CONCEIÇÃO DO COITÉ-BA, COM ÁGUA ENCANADA, ENERGIA ELÉTRICA E INTERNET PRÓXIMAS (
Contato com Cival Anjos: 75-99121-4433)

sexta-feira, 5 de fevereiro de 2021

‘Não há hipótese de eu ser vice-presidente de Bolsonaro nem de ninguém’, afirma ACM Neto

Foto: Reprodução/Instagram

Foto: Reprodução/Instagram

Após a repercussão de uma nota que apontava o ex-prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), como um nome cotado para ocupar a candidatura à vice-presidência na chapa do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), em 2022, o democrata negou ao Bahia Notícias que haja esta possibilidade.

“Não há hipótese de eu ser vice-presidente de Bolsonaro nem de ninguém”, negou Neto à reportagem. O presidente nacional do DEM publicou frase semelhante no Twitter, mas apagou a mensagem instantes depois. A postagem faz referência a uma nota da coluna de Mônica Bergamo, publicada no site da Folha de S. Paulo, na noite desta quinta-feira (4).

O texto diz que essa possibilidade cresceu após a entrevista que Neto deu ao jornal, afirmando que não descarta apoiar o presidente na próxima eleição (veja aqui). Além disso, políticos próximos ao ex-prefeito, que é também presidente nacional do DEM, confirmaram à coluna que a ideia começou a ser avaliada, mas acreditam que não deve prosperar, já que o foco de Neto estaria em vencer a disputa pelo governo da Bahia no ano que vem.

O ex-prefeito afirmou também que o partido continua com postura independente em relação ao governo federal e que não há possibilidade de qualquer adesão a Bolsonaro.

“Eu aproveito para reafirmar que a posição do Democratas é de absoluta independência em relação ao governo. Não há momento de aproximação do governo ou com a base do presidente da república. Logo após a eleição de Bolsonaro, definimos que o Democratas seria um partido independente. Eu tenho sido o principal condutor dessa postura de independência e não vamos mudar. Não existe hipótese de adesão ao governo”, garantiu, de maneira assertiva.

Do Portal NS

Nenhum comentário: