SSS Fardamentos Serrinha

SSS Fardamentos Serrinha

Jaqueline da Rádio agradece os 623 votos

TERRENO

NÃO PERCA ESTA OPORTUNIDADE!

VENDE-SE UM TERRENO MEDINDO DUAS TAREFAS. TABULEIRO ÓTIMO PARA CHÁCARA PRÓXIMO À CAIXA D'ÁGUA EM BANDIAÇU, CONCEIÇÃO DO COITÉ-BA, COM ÁGUA ENCANADA, ENERGIA ELÉTRICA E INTERNET PRÓXIMAS (
Contato com Cival Anjos: 75-99121-4433)

quinta-feira, 12 de novembro de 2020

Após nove dias de apagão no Amapá, TSE adia eleições na capital do estado

 

Após nove dias de apagão no Amapá, TSE adia eleições na capital do estado
Foto: Carlos Alberto Silva

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luís Roberto Barroso, resolveu atender a um pedido do Tribunal Regional Eleitoral do Amapá (TRE-AP) e adiou as eleições municipais na capital do estado. No resto do país, o primeiro turno segue previsto para este domingo (15) e o segundo para o dia 29 de novembro.

 

A decisão do magistrado foi embasada no fato de que, desde o dia 3 de novembro, o Amapá enfrenta uma crise de energia, com falta de luz em quase todo o território. Com isso, o TRE-AP argumentou que o pleito deveria ser adiado "até o restabelecimento regular da energia elétrica" na capital Macapá e Barroso acatou o pedido. Apenas no sábado (7), a energia começou a ser restabelecida em bairros de duas cidades.

 

Segundo informações do G1, na segunda (9), o presidente do TRE local, desembargador Rommel Araújo, havia confirmado que o estado tinha condições de realizar a eleição no próximo domingo (15). Mas a publicação apurou também que o presidente do senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), conversou com o ministro Barroso e disse que a situação na capital seria difícil em decorrência do apagão. Alcolumbre é irmão de um dos candidatos a prefeito da cidade, Josiel Alcolumbre (DEM-AP).

 

O APAGÃO

A queda de energia aconteceu na noite do dia 3, quando um incêndio atingiu a subestação de energia elétrica, na Zona Norte de Macapá. Como a subestação abastecia quase todo o estado - apenas 13 dos 16 municípios não ficaram sem energia -, o apagão foi praticamente geral.

 

De lá para cá, a população tem passado por uma série de dificuldades para garantir insumos básicos (saiba mais aqui), além de ter se mobilizado com o protesto "#SOSAmapá". 

 

Nessa quarta-feira (11), o Ministério de Minas e Energia disse que conseguiu aumentar o fornecimento de energia para o estado para 80%, mas isso de forma racionada (saiba mais aqui). Atualmente, vigora um rodízio, com duração de seis horas, entre as regiões.


Do Portal Bahia Notícias

Nenhum comentário: