SSS Fardamentos Serrinha

SSS Fardamentos Serrinha

TERRENO

NÃO PERCA ESTA OPORTUNIDADE!

VENDE-SE UM TERRENO MEDINDO DUAS TAREFAS. TABULEIRO ÓTIMO PARA CHÁCARA PRÓXIMO À CAIXA D'ÁGUA EM BANDIAÇU, CONCEIÇÃO DO COITÉ-BA, COM ÁGUA ENCANADA, ENERGIA ELÉTRICA E INTERNET PRÓXIMAS (
Contato com Cival Anjos: 75-99121-4433)

sábado, 14 de maio de 2016

Ataíde Barbosa narra jogo em Serrinha neste domingo

Com vasta experiência em grandes emissoras de rádio, a exemplo da Sociedade da Bahia, Vida FM, Tudo FM e outras, o narrador Ataíde Barbosa estará em Serrinha neste domingo (15), a partir das 14h, no estádio Mariano Santana.

Ataíde, que outrora era repórter esportivo da Sociedade AM, e hoje vem se consolidando como um dos melhores narradores da Bahia vai transmitir o jogo entre Serrinha, campeã Intermunicipal de 1988 e Esporte Clube Bahia, campeão Brasileiro de 1988 pela rádio Continental AM 1330 de Serrinha.

No último domingo, Ataíde Barbosa narrou o jogo entre Bahia e Vitória na Arena Fonte Nova e agradou ao público da região do sisal, Vale do Jacuípe, pela internet. O sucesso foi tanto que os ouvintes pediram para a Equipe Esportiva Marketing 3 trazê-lo para cobrir este jogo festivo.

Ele está no ar neste momento pela Tudo FM. Ouça agora o jogo entre Bahia x Avaí e neste domingo se ligue na Rádio Continental AM 1330 de Serrinha.

Por Cival Anjos

Série D: Galícia irá mandar suas partidas em Riachão do Jacuípe

Série D: Galícia irá mandar suas partidas em Riachão do Jacuípe
Foto: Glauber Guerra / Bahia Notícias
Apesar de ser um clube de Salvador, o Galícia Esporte Clube, que está de volta a uma competição nacional após anos, não mandará as suas partidas na capital baiana. Por questões operacionais, o granadeiro optou por uma parceria com o Jacuipense e vai mandar as suas partidas da Série D na Arena Valfredão, em Riachão do Jacuípe. É o que afirma o presidente do clube, Dario Rego.   
 
"Vamos mandar os jogos em Riachão do Jacuipe. Conseguimos uma parceira com o Felipe [presidente do Jacuipense]. Vai ser um custo menor para a gente. No interior tudo fica mais próximo e mais barato. Agradeço a prefeitura de Riachão pelo apoio", afirmou, em entrevista ao Bahia Notícias.
 
Questionado sobre os custos em mandar partidas em Salvador, o mandatário galiciano destacou o custo menor em trabalhar no interior e lamentou a falta de presença dos torcedores nas partidas realizadas na capital. 
 
"A questão não é o preço de Pituaçu, mas sim questões operacionais. Fica mais barato realizar tudo no interior. Mesmo com toda a ajuda da Sudesb, precisaríamos de 1000 torcedores todos os jogos e não temos. Por conta disso, tivemos essa opção", explicou.
 
O Galícia faz a sua estreia na quarta divisão nacional no dia 12 de junho, contra o América-PE, na Arena Valfredão (clique aqui e confira a tabela dos times baianos na Série D). 

Do Portal BN/por Ulisses Gama

Peto/Santaluz prende mulher por desordem no Hospital Municipal de Serrinha

Jacobina-Notícia0916
Foto: Reprodução
Uma mulher de 25 anos foi presa suspeita de perturbar a ordem pública na noite desta sexta-feira (13) no Hospital Municipal de Serrinha. 
De acordo com a PM, policiais do Pelotão de Emprego Tático Operacional (Peto/Santaluz) da 5ª Companhia do Décimo Sexto Batalhão chegavam ao local no momento e flagraram a mulher desacatando um servidor público. 
Ela foi encaminhada a delegacia da cidade para adoção das medidas cabíveis.
Redação Notícias de Santaluz

Bahia x Avaí: Três pontos quase que obrigatório

O Bahia inicia neste sábado a longa caminhada rumo à Série A de 2017, e o primeiro desafio é diante do Avaí, às 21 horas, na Arena Fonte Nova. 

Ainda sem poder contar com seu novo camisa 10 e a principal contratação para Série B, o meia Renato Cajá, além brocador Hernane que se recupera de lesão, o técnico Doriva deve promover a estreia do zagueiro Jackson ao lado de Lucas Fonseca que foi liberado pelo departamento médico, e no ataque, mais uma chance para o contestado atacante Zé Roberto.

A formação tática para a estreia na Série B é praticamente a mesma que venceu o Vitória por 1 a 0 na decisão do Baianão, porém, ficando sem o título. O tradicional 4-4-2 que se transforma num 4-2-4 (quando estiver atacando), com duas linhas de 4 fixas, mas Danilo Pires e João Paulo Gomes com mais liberdade caindo pelos flancos, como dois pontas. 

O time do Bahia é o seguinte: 1 - Marcelo Lomba; 2 - Tinga, 3 - Lucas Fonseca, 4 - Jackson e 6 - Moisés; 5 - Feijão, 8 - Paulo Roberto, 7 - Danilo Pires e 11 - João Paulo Gomes; 10 - Thiago Ribeiro e 9 - Zé Roberto. 

Do Portal Futebol Bahiano

Silvio Santos se empolga com audiência dos telejornais do SBT e faz investimentos

Bastou uma semana de bons resultados na audiência dos telejornais para Silvio Santos se empolgar e promover um importante investimento nos noticiários da casa. A partir desta segunda, todos passaram a ser exibidos em HD, ou seja, em alta definição.
Além da transmissão ao vivo, as reportagens feitas para todos os noticiários também serão gravadas com os novos equipamentos, para dar o mesmo padrão de qualidade visual.
Até a última sexta-feira, 6, os telejornais eram produzidos em SD (sigla de ‘Standard Definition’), formato cada vez menos utilizado pelas emissoras abertas, cuja resolução não apresenta tanta nitidez nas imagens e cores.
Parte dos equipamentos já estava disponível no SBT. Outra parte foi encomendada e deve chegar em breve aos estúdios.
A decisão de Silvio em investir nos telejornais se deu após notar um crescimento médio de 10% na audiência logo na primeira semana de maio.
Em abril, por exemplo, as médias do Primeiro Impacto e do SBT Brasil foram de 2,4 e 5,5 pontos, respectivamente, na Grande São Paulo (cada ponto equivale a 69,4 mil domicílios). Entre os dias 2 e 6 de maio, os telejornais fecharam com média de 2,7 e 5,9 pontos.
Do Portal Repórter Diário

SBT não deve aceitar transmitir o “Brasileirão” no lugar da Band, segundo colunista

Segundo o colunista Flávio Ricco, Silvio Santos provavelmente não vai aceitar transmitir o Brasileirão em parceria com a Globo.
O motivo seria que o dono do SBT prefira focar seu canal no entretenimento. Outra razão para não ocupar o lugar da Band, também poderia ser a crise econômica do Brasil.
Sem o SBT, a  RedeTV! e a Record devem disputar para transmitir o futebol.
Do Portal Repórter Diário

CBF divulga tabela da Série D 2016

Enfim aconteceu o que o torcedor Azulino tanto esperava. Na tarde desta sexta-feira (13), a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) divulgou a tabela detalhada dos grupos com jogos, datas e horários da primeira fase do Campeonato Brasileiro da Série D de 2016. 
O Granadeiro acabou ficando no Grupo A7 com América, de Pernambuco, Globo, do Rio Grande do Norte, e um clube da Paraíba que ainda será definido.
A estreia do está marcada para dia 12 de junho, às 16 horas, com mando de campo do Galícia, contra clube pernambucano. Local da partida ainda será definido pela diretoria do Demolidor de Campeões.
Após a estreia o clube fará dois jogos seguidos fora do Estado. O primeiro será contra o Globo no estádio Manuel Barreto (Barretão) em Ceará-Mirim, e no outro final de semana contra um clube paraibano.
Confira os jogos do Galícia na primeira fase:
galicia-serie-d-primeira-fase
Alguns jogos poderão sofrer alterações.

Universidade Federal do Alagoas abre concurso com 72 vagas. salário até R$ 3.666

Foram abertas nesta quarta-feira (12) as inscrições para três concursos públicos da Universidade Federal de Alagoas (UFAL) que devem selecionar 72 profissionais nos cargos de técnico-administrativos para compor o quadro de efetivos da instituição.

Podem participar profissionais de níveis médio e superior e remuneração varia de  R$ 1.739,04 a R$ 3.666,54, com jornada de trabalho de 20h a 40h/semana.

No primeiro edital, há vagas para os cargos de administrador (4),  analista de tecnologia da informação (2), arquiteto e urbanista (1), biólogo (1), engenheiro florestal (1), engenheiro de prevenção e combate a incêndio (1), físico (1), geógrafo (1), médico pediatra, médico neonatologista (2), psiquiatra (1), veterinário/anestesiologia (1), veterinário para clínica cirúrgica de pequenos, médios e grandes animais (1 oportunidade para cada), nutricionista (3) e técnico em assuntos educacionais (4).

O segundo concurso da Universidade oferece oportunidades para os cargos de  músico (1), técnico de laboratório nas áreas de biologia (4), biotecnologia (1), química (4), reprodução animal (1), informação (3), agropecuária (4), alimentos e laticínios (1), eletroeletrônica (1), eletrotécnica (1), herbário (1), radiologia (2), refrigeração (1) e assistente de laboratório (3).
Já o último edital oferece oportunidades para os cargos de assistente em administração (13), auxiliar de enfermagem (2), técnico em arquivo (1), técnico em secretariado (2), auxiliar em administração (2).

Para participar, interessados devem acessar o site da instituição (www.copeve.ufal.br/sistema/)  até 12 de junho e se cadastrar. Taxas de participação são de R$ 60, R$ 70 e R$ 100 a depender do cargo escolhido. Expectativa é de que as provas aconteçam em 21 de agosto em Maceió e nas cidades de Arapiraca e Delmiro Gouveia.

Do Portal Interior da Bahia

sexta-feira, 13 de maio de 2016

Wallace pede para sair do Flamengo, e Grêmio deve ser o destino do zagueiro coiteense

wallace-comemora-apos-marcar-para-o-flamengo-contra-o-corinthians-no-maracana-14set2014-1410727353977_615x300
Foto: Gilvan de Souza/ Flamengo
O zagueiro Wallace está fora do Flamengo. Em comunicado oficial, o clube informou que o jogador avisou à direção que não jogará mais com a camisa rubro-negra e deixou a concentração na noite desta sexta-feira (13). 
Porém, o defensor, em nota enviada ao blog Bastidores, contestou a versão e disse que pediu apenas para ser emprestado. Segundo apuração do GloboEsporte.com, o Grêmio é o clube interessado no jogador. A atitude de Wallace pegou o elenco de surpresa. 
O zagueiro comunicou a intenção de sair a Rodrigo Caetano e Muricy Ramalho nesta sexta-feira. O treinador ficou insatisfeito. No clube, há o entendimento de que todos defenderam o jogador das críticas desde que a ira da torcida se voltou contra o ex-capitão. 
Enquanto ele não decidir seu futuro, deve treinar separado do restante do plantel. Wallace vinha sendo muito criticado pelos torcedores neste ano. Na última partida, contra o Fortaleza, abdicou da faixa de capitão. 
Antes, na derrota por 2 a 0 para o Vasco na semifinal do Campeonato Carioca, causou polêmica ao liderar a equipe numa entrada em campo inesperada e fincar uma bandeira no meio do gramado. Ele chegou ao clube em janeiro de 2013. Ao todo, disputou 178 jogos e marcou sete gols. Leia a nota de Wallace.
Do Portal NS

Ordem para infraestrutura é privatizar, diz novo ministro dos Transportes

Ao assumir um turbinado ministério dos Transportes, que vai acumular as secretarias de Aviação Civil e de Portos, Maurício Quintella afirmou que a ordem do presidente interino Michel Temer é privatizar “o que for possível” na área de infraestrutura.

Antecipando que “provavelmente” será necessário mudar o marco regulatório, o deputado federal por Alagoas, que deixou a liderança do PR para votar pelo impeachment na Câmara, disse que é preciso criar um clima de confiança que atraia investimentos do setor privado.

“Privatizar e conceder o máximo possível é a palavra de ordem do governo na aérea de infraestrutura. Temos de buscar parceiros e investidores. Para isso, é preciso que haja ambiente de confiança. O Brasil neste momento não tem dinheiro para fazer investimentos suficientes”, afirmou.

Na opinião do novo ministro, o país vive um momento de “muita restrição” e será necessário trabalhar para recuperar a confiança e a credibilidade. Ele informou que o atual secretário de Transporte e Mobilidade Urbana do Ministério das Cidades, Dário Lopes, assumirá a Secretaria de Aviação Civil e que um quadro do PMDB, ainda não definido, ocupará a de Portos.

Por ter participado em esquema de desvio de recursos públicos no seu estado, Quintella foi condenado pela Justiça Federal em 2014.

Do Portal CN

‘Não vou fazer milagres em dois anos’, diz Temer

O novo e interino presidente da República, Michel Temer, falou com exclusividade a Época hoje. É a primeira entrevista à imprensa desde que tomou posse interinamente, ontem. Temer foi claro sobre o que espera fazer como presidente, caso Dilma Rousseff de fato não retorne ao cargo. 

E admitiu que “ainda não caiu a ficha” do momento – de que ele é, de fato, o responsável por tirar o Brasil de uma das mais graves crises de sua história. “Estou acostumado à pressão, a situações difíceis, a crises. Trabalharei de domingo a domingo, de dia e de noite, para cumprir as expectativas do povo brasileiro”, disse, ciente de que o país tem pressa. “Quero, com a ajuda de todos, botar o país nos trilhos nesses dois anos e sete meses.”

Temer sabe que botar o país nos trilhos será uma missão difícil. “Não vou fazer milagres em dois anos”, admitiu, quando confrontado com o fato de que a burocracia do governo e as pressões de grupos de interesse no Congresso tornam improvável o sucesso na execução de reformas profundas – sobretudo num curto espaço de tempo e sob a forte instabilidade política que ainda define Brasília. “Quero que, ao deixar a Presidência, olhem para mim e digam ao menos: ‘Esse sujeito arrumou o país’.”

O que seria exatamente arrumar o país? Primeiro e mais urgente, é claro, arrumar o que está mais desarrumado: a economia. “Tenho plena confiança na capacidade de Henrique Meirelles e da equipe montada por ele. Eles terão autonomia para fazer os ajustes necessários e transmitir a confiança que perdemos”, disse.  Acredita que arrumar a relação do Planalto com o Congresso, algo que diminuirá a instabilidade política crônica em Brasília, será menos complicado. “Fui presidente da Câmara por três vezes e sei bem o quanto é necessário ter diálogo com os parlamentares e manter o respeito pelas ideias diferentes. Não é fortuito que tantas lideranças partidárias estejam comprometidas com o ministério que foi montado.”

Um terceiro ponto, não tão urgente, mas no qual Temer insiste – chegou a incluir em seu discurso de posse – envolve um novo pacto federativo, que equilibre as relações entre União, estados e municípios. É uma preocupação antiga de Temer, que escreveu artigos sobre o assunto. Hoje, defendem Temer e outros políticos, o dinheiro dos impostos dos brasileiros está demasiadamente concentrado na União e, especialmente, no governo federal. Estados e municípios passam a depender da boa vontade do presidente da República para receber recursos – o que acaba passando por uma relação política, e não institucional. Temer quer muito diminuir esse desequilíbrio federativo. “A partir da próxima semana, formaremos uma comissão que encontre soluções para recompor o pacto federativo, para que tenhamos uma verdadeira federação”, anunciou.

A quarta prioridade do novo presidente é a menos palpável de todas. Mas, talvez, seja a que mais o preocupa, em virtude de sua formação como professor de Direito Constitucional. “Precisamos mudar a cultura política do país”, disse. “Ninguém lê mais a Constituição. Digo isso no sentido de que há um desrespeito profundo pelas leis e pelas instituições. É necessário resgatar o valor desse livro sagrado para a nossa democracia.” 

Na prática, disse Temer, isso se traduzirá em tomar decisões, ou deixar de tomar decisões, que agridam o espírito da Constituição, mesmo que sejam, formalmente, legais. Ele cita um exemplo que aconteceu hoje. Vários assessores e ministros chegaram a seus locais de trabalho e começaram a retirar a foto da presidente Dilma Rousseff. Temer determinou que mantivessem a foto na parede. “É preciso ter respeito. Ela está afastada, mas continua presidente. Até que saia em definitivo, caso seja essa a decisão do Senado, deve ter seus direitos como presidente afastada assegurados.”´

Temer está com a voz cansada, mas parece genuinamente animado para os dias difíceis que se avizinham. “Disposição não faltará – minha e da equipe. Hoje mesmo, percebi em todos uma vontade, uma gana de fazer imensa. Nada ficará para segunda-feira. Tudo o que se discutia começa imediatamente, agora. Estão todos imbuídos do mesmo sentido de urgência que eu”, contou. “Pude perceber também no que posso colaborar. Diante da falta de orçamento, expliquei como muitas vezes é possível fazer programas com pouco dinheiro. Foi o que fiz na Secretaria de Segurança Pública de São Paulo, com a criação de conselhos comunitários e delegacias da mulher. Deram resultado e custaram quase nada. É preciso ter esse tipo de mentalidade.”

É possível fazer tanto em tão pouco tempo? “Não é porque é impossível fazer milagres que não se devem estabelecer metas ambiciosas, como as que delineei. É possível fazer muito, não tenho dúvida. E, se não houver ambição, qual o propósito de se tentar?”

Do Portal CN/Fonte:Época

Prestações do ‘Minha casa, Minha vida’ subirão até 237% em julho

145027300222407707787_ccc6aa8198_o_copy
Foto: Mateus Pereira/GOVBA
As prestações da moradias financiadas pelo “Minha casa, minha vida” ficarão até 237,5% mais caras, em julho, para os beneficiários da faixa 1, a mais baixa do programa, para famílias com renda bruta de até R$ 1.800 por mês. 
O percentual refere-se ao valor máximo, que passará de R$ 80 para R$ 270 por mês, válidos para quem tem rendimento de R$ 1.200,01 a R$ 1.800. Já o valor mínimo, para famílias com renda até R$ 800, subirá 220%: de R$ 25 para R$ 80. 
De acordo com o Ministério das Cidades, os novos valores passarão a valer para contratos assinados com a Caixa Econômica Federal e o Banco do Brasil a partir do dia 1º de julho. A pasta alegou, em nota, que os reajustes se devem à “atualização dos custos da construção” e às “melhorias estabelecidas nesta nova fase”, referindo-se à terceira fase do programa, que prevê a construção de dois milhões de imóveis até 2018. 
O governo nega que os reajustes tenham sido motivados pela alta inadimplência dessa faixa do programa, de 23%, e que sejam destinados a cobri-la. O percentual é dez vezes maior do que a média de 2,33% de inadimplência em todas as linhas de crédito imobiliário da Caixa no primeiro trimestre do ano. O Ministério das Cidades afirmou, porém, que “verifica-se que a inadimplência está mais relacionada a outros fatores do que ao valor da prestação”.
Do Portal NS/Fonte:EXTRA

Temer pede à equipe que abra ‘caixa-preta’ do governo Dilma


JC_reuniaoministerial_temernovo_20160513_011298
Foto: José Cruz/Agência Brasil
Na gestão do presidente em exercício Michel Temer, o Palácio do Planalto já determinou que os novos ministros façam um inventário detalhado sobre tudo o que estão herdando do governo Dilma Rousseff. 
De acordo com o comentarista político Gerson Camarotti, em sua coluna no G1, a orientação é que esse levantamento seja divulgado por cada pasta assim que ficar pronto, para deixar claro problemas que estão sendo assumidos pela atual gestão. 
“Temer não vai ser responsabilizado por problemas ou irregularidades que aconteceram no governo Dilma. Por isso, a ordem é mostrar detalhadamente como está a situação de cada área”, disse um auxiliar do presidente em exercício. 
Para outro interlocutor de Temer, a ordem é abrir a “caixa-preta” do governo do PT. Um exemplo disso já aconteceu na primeira coletiva realizada nesta sexta-feira (13), quando os ministros Ricardo Barros, da Saúde, Eliseu Padilha, da Casa Civil, e Romero Jucá, do Planejamento, falaram da redução de programas sociais da gestão Dilma Rousseff. Já estava havendo redução e cortes em programas sociais na gestão da petista, como Minha Casa, Minha Vida e Pronatec.
Do Portal NS

Serrinha: Enferrujados jogam em Bandiaçu neste domingo

Na manhã deste domingo (15), uma seleção do Campeonato dos Enferrujados da Arena Pedrão no Alto da Bandeira, em Serrinha estará jogando no município de Conceição do Coité.

A partida acontece na Arena de Roquinho do Forró, na Caixa d'Água de Bandiaçu.

O duelo vai começar por volta das 8h da manhã contra Roquinho e seus familiares.

O Esporte Clube Enferrujados (ECE) vai ter os seguintes jogadores: Rizadinha e Marcos, campeão Intermunicipal por Serrinha em 1982 (goleiros), Cival Anjos, Zoreia, Peba, pai de Nadson, Zé da Pomba, Nego Ípar, Pedro Araújo, Biro de Kelé, Valdir do Regalo, Moisés Melo, Guga Subaé.

Logo após o jogo vai ser servido um almoço e na sequência, o time de Serrinha irá para o Açude de Bandiaçu para conhecer e tomar banho.

Por Cival Anjos

Gilmar Mendes acata argumentos de Aécio e diz que não há motivos para tucano ser investigado

Aecio-Neves-chega-ao-Congresso-Nacional-para-reuniao-foto-Luis-Macedo-Camara-dos-Deputados_201411040004
Foto: Luis Macedo/ Câmara dos Deputados
Menos de 24 horas depois de autorizar a abertura de um inquérito contra o presidente do PSDB, senador Aécio Neves (MG), o ministro do Supremo Tribunal Federal Gilmar Mendes suspendeu o andamento das investigações sobre suspeita de envolvimento do tucano em um esquema de propina na estatal Furnas Centrais Elétricas. 
Ele também pediu que o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, avalie se há realmente a necessidade do procedimento contra o senador. O ministro acatou argumentação da defesa de Aécio de que não há elementos novos que justificam a instauração de um inquérito, já que os detalhes que constam na delação do senador cassado Delcídio Amaral (sem partido-MS) já eram de conhecimento da Procuradoria-Geral da República. 
“A petição do parlamentar pode demonstrar que a retomada das investigações ocorreu sem que haja novas provas. Além disso, é possível que a manifestação satisfaça as diligências probatórias postuladas pelo procurador-geral da República, possibilitando a imediata formação de juízo acerca do destino da investigação, afirmou o ministro. Aécio é investigado por suposto recebimento de propina de empresas terceirizadas que mantinham contrato com Furnas.
Do Portal NS/Fonte:Estadão Conteúdo

Governo do Estado vai convocar 639 aprovados no concurso da Polícia Civil

20141114100359img_2335
Foto: Polícia Civil – RS / Divulgação
O Governo do Estado vai convocar 639 aprovados no Concurso da Polícia Civil. Serão 108 delegados, 55 escrivães e 476 investigadores de polícia, ultrapassando as 600 vagas previstas em edital para convocação das três carreiras. A portaria com os nomes dos convocados deve ser publicada no Diário Oficial do Estado (DOE) deste final de semana. 
De acordo com a Secretaria da Administração do Estado (Saeb), serão chamados oito delegados e 76 investigadores a mais do que o previsto. Lançado em 2013, o concurso da Polícia enfrentou a dificuldade do Governo em convocar os aprovados em função de o Estado ter atingido o limite prudencial de gastos com pessoal, ficando impedido de convocar novos servidores pela Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). 
Para convocar os aprovados, o Estado se baseou no parecer do TCE, publicado no último dia 10, após a consulta feita pelo Governo do Estado acerca das condições impostas pela LRF para convocação dos concursados. 
Na decisão do dia 10, a Corte autorizou que o Governo faça a convocação dos policiais baseada nas vagas abertas com as exonerações e demissões que não impliquem em aumento de despesa.
Redação Notícias de Santaluz

Governo quer cortar 4 mil cargos comissionados, diz ministro

Plenário do Senado
Foto: Waldemir Barreto/ Agência Senado
O ministro Romero Jucá (PMDB-RR), do Planejamento, afirmou nesta sexta-feira (13) que o governo do presidente em exercício, Michel Temer, quer cortar até 4 mil cargos de confiança e funções gratificadas. 
Jucá concedeu entrevista à imprensa ao lado dos ministros Eliseu Padilha (Casa Civil) e Ricardo Barros (Saúde), depois da primeira reunião ministerial liderada por Temer. 
“Vamos rever a estrutura organizacional dos ministérios. Alguns já foram encerrados ou recepcionados por outros ministérios”, disse o ministro do Planejamento. Segundo ele, o governo tem cargos de confiança e dá gratificação de 51 formas diferentes, o que será revisto. “Queremos em 31 de dezembro de 2016 tenha diminuído 4 mil postos desse tipo de gratificação ou contratação”, disse Jucá. 
Ele ressaltou que o número é uma meta que pode ser ampliada, conforme a necessidade. O corte é semelhante ao proposto pelo governo Dilma, que, segundo Jucá, não foi cumprido. “Isso não resolve a questão do gasto público e meta de déficit, mas é um posicionamento que o governo deve tomar como exemplo para a sociedade”, afirmou. 
O ministro do Planejamento disse ainda que a economia que o governo pretende fazer com a redução de 4 mil cargos comissionados será anunciada “no momento certo”, em razão das diferentes remunerações. 
Do Portal NS/Fonte:G1, em Brasília

Papa abre porta para examinar possibilidade de que mulheres atuem como diáconos

Foto: (Arquivo) Papa Francisco
O Papa Francisco anunciou nesta quinta-feira que criará uma comissão para estudar a possibilidade de autorizar que as mulheres atuem como diáconos e administrem alguns sacramentos, como o batismo e matrimônios.

O anúncio do papa foi feito em um encontro na Sala Paulo VI do Vaticano diante de 900 líderes de congregações religiosas femininas de todo o mundo.

Dirigindo-se a centenas de religiosas, o Papa respondeu afirmativamente a uma delas que lhe perguntou se já não era tempo de criar uma comissão para estudar a questão, segundo fontes vaticanas.

Questionado pela AFP, o porta-voz do Vaticano, padre Federico Lombardi, não quis confirmar esta informação, à espera de detalhes sobre as declarações do Papa.

"Eu acho que sim, que seria bom para a Igreja esclarecer este ponto. Concordo. Vou falar para fazer algo nesse sentido", disse Jorge Bergoglio, em comentários divulgados pelas agências italianas.

Na Igreja Católica, os diáconos podem fazer o sermão na missa, celebrar batismos, casamentos e funerais. No entanto, apenas os sacerdotes podem celebrar a Eucaristia ou confessar fiéis.

Há muito tempo, o diaconato é uma etapa para o sacerdócio, mas o Concílio Vaticano II restaurou o diaconato permanente, acessível a homens casados, que muitas vezes compensam a falta de sacerdotes ou ajudam quando eles estão sobrecarregados.

O papa Francisco defendeu em várias ocasiões o seu desejo de resolver a grande desigualdade existente entre homens e mulheres na Igreja.

Ele também reiterou recentemente que não era possível que as mulheres se tornassem padres, dizendo que seus antecessores, especialmente João Paulo II, já haviam discutido exaustivamente esta proposta.
Do Portal JANV/Fonte: Yahoo Notícias

Impeachment: 'Injustiça devastadora condenar um inocente', declara Dilma após ser afastada do cargo pelo Senado

A petista Dilma Rousseff discursou na manhã desta quinta-feira (12) após ser afastada do cargo de presidente. Ela declarou que foi perseguida, vítima de golpe e reafirmou que não cometeu crime. "Não existe injustiça mais devastadora do que condenar um inocente", lamentou.

"Posso ter cometido erros, mas não cometi crime. Os atos que pratiquei foram atos legais, corretos, atos necessários, atos idênticos aos que foram executados por presidentes que me antecederam", prosseguiu.

No pronunciamento, Dilma reforçou que desde as últimas eleições, em que recebeu 54 milhões de votos, foi impedida de governar o país. "[A oposição] passou a impedir a recuperação da economia, com o único objetivo de tomar força, que não conseguiu nas ruas. Fui vítima de sabotagem... O ambiente se tornou propício para o golpe", enfatizou.

Democracia
Além de frisar em diversos momentos que foi vítima de golpe, Dilma defendeu que a democracia está em jogo. Para ela, o futuro do país está ameaçado diante da decisão do Senado, que decidiu pelo afastamento do cargo.

"O que está em jogo não é apenas o meu mandado, é o respeito às urnas, a vontade soberana das urnas, as conquistas dos últimos anos, o ganho das classes mais pobres nos últimos anos, a valorização do salário mínimo, a realização do sonho da casa própria. O que está em jogo é a esperança de avança sempre mais", declarou.

No discurso, Dilma reforçou que durante o governo não cometeu nenhum ato repressivo que pudesse atacar a democracia. "O maior risco [com o afastamento] é ser dirigido por um governo sem voto. O governo que nasce de um golpe, nasce de uma eleição indireta".

A petista lembrou, ainda, que não é investigada por ter recebido propina ou por ter contas no exterior. Para ela, o processo de impeachment é frágil e injusto. "Vou lutar para exercer meu mandato até o fim", falou. "O destino sempre me reservou muitos desafios. Já sofri a dor da tortura, da doença e agora sofro, mais uma vez, a dor inominável da injustiça".

Apoio
Antes do pronunciamento como presidente afastada do Brasil, Dilma foi ovacionada por militantes contrários ao processo de impeachment. Eles gritaram "Dilma, guerreira, da pátria brasileira".

Ao fim do discurso, a multidão voltou a prestar apoio a petista. Na esplanada do Planalto, Dilma fez um novo pronunciamento, desta vez em tom mais popular.

O ex-presidente Lula e os demais ministros que foram exonerados do cargo acompanharam os pronunciamentos ao lado da petista.

Afastamento
No início da manhã desta quinta-feira o Senado Federal aprovou o afastamento de Dilma Rousseff do cargo, por 180 dias, para instauração do processo de impeachment contra a petista. Ela responde pelo crime de responsabilidade.

Dilma recebeu 55 votos a favor e 22 contra. No período em que estiver afastada, ela terá direito à residência oficial do Palácio da Alvorada, segurança pessoal, assistência saúde, remuneração, transporte aéreo e terrestre e equipe a serviço do gabinete pessoal da Presidência.

Em novo julgamento, se o placar voltar a se repetir, a petista será condenada e perderá o cargo. Além disso, Dilma ficará inelegível por oito anos.

Temer
Durante o processo de impeachment, Michel Temer (PMDB) assumirá a Presidência interina do país. Nas próximas horas ele deve fazer um pronunciamento à nação já como chefe máximo do Executivo. (Fonte: Jornal Hoje em Dia).

Do Portal Interior da Bahia

Proposta ministerial de Temer é a primeira sem mulheres desde o governo Geisel, em 1979

A proposta ministerial de Michel Temer (PMDB) deverá ser a primeira sem mulheres desde o governo de Ernesto Geisel (1974-1979). Isso se forem confirmados os nomes cotados para ministros, de acordo com a Folha. 

O general João Figueirero (1979-1985) indicou ainda na Ditadura Militar a primeira ministra do Brasil, Esther de Figueiredo Ferraz, na Educação e Cultura. 

Em seguida, todos nomearam mulheres: José Sarney (1985-1990) indicou uma; Fernando Collor (1990-1992), Itamar Franco (1992-1995) e Fernando Henrique Cardoso (1995-2003), com duas cada um; Luiz Inácio Lula da Silva (2003-2011) teve 11 ministras e Dilma Rousseff, 15.

Nas articulações, a única mulher convidada foi a ex-ministra do Supremo Tribunal Federal (STF) Ellen Gracie, para a Controladoria-Geral da União (CGU), mas ela recusou. As deputadas Mara Gabrilli (PSDB) e Renata Abreu (PTN) também estavam no círculo de negociações partidárias, mas não prosperaram. 

Pessoas próximas a Temer dizem que não há restrições por parte dele e que o vice-presidente não desistiu de dar a uma mulher uma pasta de expressão. “É e será uma preocupação dele. Temer está muito atento a esta questão”, disse Gaudêncio Torquato, amigo e consultor político do peemedebista.

Do Portal CN/Fonte:Bahia Notícias