SSS Fardamentos Serrinha

SSS Fardamentos Serrinha

TERRENO

NÃO PERCA ESTA OPORTUNIDADE!

VENDE-SE UM TERRENO MEDINDO DUAS TAREFAS. TABULEIRO ÓTIMO PARA CHÁCARA PRÓXIMO À CAIXA D'ÁGUA EM BANDIAÇU, CONCEIÇÃO DO COITÉ-BA, COM ÁGUA ENCANADA, ENERGIA ELÉTRICA E INTERNET PRÓXIMAS (
Contato com Cival Anjos: 75-99121-4433)

sábado, 31 de agosto de 2013

Serrinha: Dirigentes de clubes não concordam com valor da premiação do Campeonato Master dos Amigos

Na tarde deste sábado (31), dirigentes de equipes que estão disputando o Campeonato Master dos Amigos demonstraram total insatisfação com o valor que será pago na premiação para o campeão: R$ 1.200,00.

Para eles, não é justo que sejam eles quem pague toda a premiação e a prefeitura só arcar com a arbitragem que é de apenas R$ 60,00 por partida.

Os dirigentes afirmaram que é melhor eles mesmos pagarem tudo, inclusive a arbitragem, pois seria apenas R$ 30,00 de cada clube por rodada e não levaria o nome de campeonato bancado pela prefeitura de Serrinha. Segundo alguns, as coisas mais caras são bancadas por eles e alegam que não receberam nenhum tipo de material esportivo para suas equipes.

O pessoal está muito revoltado e já falou com Zé Carlos, organizador da competição, que deste jeito que está não aceitam.

Por Cival Anjos

Em editorial, Globo assume que apoio à ditadura no Brasil foi um erro

As organizações Globo surpreenderam ao publicar, no jornal O Globo deste sábado (31), um editorial assumindo o erro em ter apoiado a ditadura militar no Brasil, inclusive com a participação no golpe de 64. O texto aponta que as manifestações das ruas, que colocaram a Globo como manipuladora de informações e de servir à classe burguesa, foram responsáveis diretas para que o texto saísse.
Logo no início do editorial, a frase “A verdade é dura, a Globo apoiou a ditadura”, é seguida do seguinte comentário: “De fato, trata-se de uma verdade, e, também de fato, de uma verdade dura. Já há muitos anos, em discussões internas, as Organizações Globo reconhecem que, à luz da História, esse apoio foi um erro. Há alguns meses, quando o Memória estava sendo estruturado, decidiu-se que ele seria uma excelente oportunidade para tornar pública essa avaliação interna. E um texto com o reconhecimento desse erro foi escrito para ser publicado quando o site ficasse pronto”.
Confira a íntegra do editorial publicado neste sábado no jornal carioca:
Desde as manifestações de junho, um coro voltou às ruas: “A verdade é dura, a Globo apoiou a ditadura”. De fato, trata-se de uma verdade, e, também de fato, de uma verdade dura. Já há muitos anos, em discussões internas, as Organizações Globo reconhecem que, à luz da História, esse apoio foi um erro. Há alguns meses, quando o Memória estava sendo estruturado, decidiu-se que ele seria uma excelente oportunidade para tornar pública essa avaliação interna. E um texto com o reconhecimento desse erro foi escrito para ser publicado quando o site ficasse pronto.

Não lamentamos que essa publicação não tenha vindo antes da onda de manifestações, como teria sido possível. Porque as ruas nos deram ainda mais certeza de que a avaliação que se fazia internamente era correta e que o reconhecimento do erro, necessário. Governos e instituições têm, de alguma forma, que responder ao clamor das ruas. De nossa parte, é o que fazemos agora, reafirmando nosso incondicional e perene apego aos valores democráticos, ao reproduzir nesta página a íntegra do texto sobre o tema que está no Memória, a partir de hoje no ar:
1964
“Diante de qualquer reportagem ou editorial que lhes desagrade, é frequente que aqueles que se sintam contrariados lembrem que O GLOBO apoiou editorialmente o golpe militar de 1964. A lembrança é sempre um incômodo para o jornal, mas não há como refutá-la. É História. O GLOBO, de fato, à época, concordou com a intervenção dos militares, ao lado de outros grandes jornais, como “O Estado de S.Paulo”, “Folha de S. Paulo”, “Jornal do Brasil” e o “Correio da Manhã”, para citar apenas alguns. Fez o mesmo parcela importante da população, um apoio expresso em manifestações e passeatas organizadas em Rio, São Paulo e outras capitais.

Naqueles instantes, justificavam a intervenção dos militares pelo temor de um outro golpe, a ser desfechado pelo presidente João Goulart, com amplo apoio de sindicatos — Jango era criticado por tentar instalar uma “república sindical” — e de alguns segmentos das Forças Armadas. Na noite de 31 de março de 1964, por sinal, O GLOBO foi invadido por fuzileiros navais comandados pelo Almirante Cândido Aragão, do “dispositivo militar” de Jango, como se dizia na época. O jornal não pôde circular em 1º de abril. Sairia no dia seguinte, 2, quinta-feira, com o editorial impedido de ser impresso pelo almirante, “A decisão da Pátria”. Na primeira página, um novo editorial: “Ressurge a Democracia”.
A divisão ideológica do mundo na Guerra Fria, entre Leste e Oeste, comunistas e capitalistas, se reproduzia, em maior ou menor medida, em cada país. No Brasil, ela era aguçada e aprofundada pela radicalização de João Goulart, iniciada tão logo conseguiu, em janeiro de 1963, por meio de plebiscito, revogar o parlamentarismo, a saída negociada para que ele, vice, pudesse assumir na renúncia do presidente Jânio Quadros. Obteve, então, os poderes plenos do presidencialismo. Transferir parcela substancial do poder do Executivo ao Congresso havia sido condição exigida pelos militares para a posse de Jango, um dos herdeiros do trabalhismo varguista. Naquele tempo, votava-se no vice-presidente separadamente. Daí o resultado de uma combinação ideológica contraditória e fonte permanente de tensões: o presidente da UDN e o vice do PTB. A renúncia de Jânio acendeu o rastilho da crise institucional.
A situação política da época se radicalizou, principalmente quando Jango e os militares mais próximos a ele ameaçavam atropelar Congresso e Justiça para fazer reformas de “base” “na lei ou na marra”. Os quartéis ficaram intoxicados com a luta política, à esquerda e à direita. Veio, então, o movimento dos sargentos, liderado por marinheiros — Cabo Ancelmo à frente —, a hierarquia militar começou a ser quebrada e o oficialato reagiu.
Naquele contexto, o golpe, chamado de “Revolução”, termo adotado pelo GLOBO durante muito tempo, era visto pelo jornal como a única alternativa para manter no Brasil uma democracia. Os militares prometiam uma intervenção passageira, cirúrgica. Na justificativa das Forças Armadas para a sua intervenção, ultrapassado o perigo de um golpe à esquerda, o poder voltaria aos civis. Tanto que, como prometido, foram mantidas, num primeiro momento, as eleições presidenciais de 1966.
O desenrolar da “revolução” é conhecido. Não houve as eleições. Os militares ficaram no poder 21 anos, até saírem em 1985, com a posse de José Sarney, vice do presidente Tancredo Neves, eleito ainda pelo voto indireto, falecido antes de receber a faixa. No ano em que o movimento dos militares completou duas décadas, em 1984, Roberto Marinho publicou editorial assinado na primeira página. Trata-se de um documento revelador. Nele, ressaltava a atitude de Geisel, em 13 de outubro de 1978, que extinguiu todos os atos institucionais, o principal deles o AI5, restabeleceu o habeas corpus e a independência da magistratura e revogou o Decreto-Lei 477, base das intervenções do regime no meio universitário.
Destacava também os avanços econômicos obtidos naqueles vinte anos, mas, ao justificar sua adesão aos militares em 1964, deixava clara a sua crença de que a intervenção fora imprescindível para a manutenção da democracia e, depois, para conter a irrupção da guerrilha urbana. E, ainda, revelava que a relação de apoio editorial ao regime, embora duradoura, não fora todo o tempo tranquila. Nas palavras dele: “Temos permanecido fiéis aos seus objetivos [da revolução], embora conflitando em várias oportunidades com aqueles que pretenderam assumir a autoria do processo revolucionário, esquecendo-se de que os acontecimentos se iniciaram, como reconheceu o marechal Costa e Silva, ‘por exigência inelutável do povo brasileiro’. Sem povo, não haveria revolução, mas apenas um ‘pronunciamento’ ou ‘golpe’, com o qual não estaríamos solidários.”
Não eram palavras vazias. Em todas as encruzilhadas institucionais por que passou o país no período em que esteve à frente do jornal, Roberto Marinho sempre esteve ao lado da legalidade. Cobrou de Getúlio uma constituinte que institucionalizasse a Revolução de 30, foi contra o Estado Novo, apoiou com vigor a Constituição de 1946 e defendeu a posse de Juscelino Kubistchek em 1955, quando esta fora questionada por setores civis e militares.
Durante a ditadura de 1964, sempre se posicionou com firmeza contra a perseguição a jornalistas de esquerda: como é notório, fez questão de abrigar muitos deles na redação do GLOBO. São muitos e conhecidos os depoimentos que dão conta de que ele fazia questão de acompanhar funcionários de O GLOBO chamados a depor: acompanhava-os pessoalmente para evitar que desaparecessem. Instado algumas vezes a dar a lista dos “comunistas” que trabalhavam no jornal, sempre se negou, de maneira desafiadora.
Ficou famosa a sua frase ao general Juracy Magalhães, ministro da Justiça do presidente Castello Branco: “Cuide de seus comunistas, que eu cuido dos meus”. Nos vinte anos durante os quais a ditadura perdurou, O GLOBO, nos períodos agudos de crise, mesmo sem retirar o apoio aos militares, sempre cobrou deles o restabelecimento, no menor prazo possível, da normalidade democrática. Contextos históricos são necessários na análise do posicionamento de pessoas e instituições, mais ainda em rupturas institucionais. A História não é apenas uma descrição de fatos, que se sucedem uns aos outros. Ela é o mais poderoso instrumento de que o homem dispõe para seguir com segurança rumo ao futuro: aprende-se com os erros cometidos e se enriquece ao reconhecê-los.
Os homens e as instituições que viveram 1964 são, há muito, História, e devem ser entendidos nessa perspectiva. O GLOBO não tem dúvidas de que o apoio a 1964 pareceu aos que dirigiam o jornal e viveram aquele momento a atitude certa, visando ao bem do país. À luz da História, contudo, não há por que não reconhecer, hoje, explicitamente, que o apoio foi um erro, assim como equivocadas foram outras decisões editoriais do período que decorreram desse desacerto original. A democracia é um valor absoluto. E, quando em risco, ela só pode ser salva por si mesma.”
Do Portal Jornal da Chapada/FOTO: Reprodução/Arquivo

Pacto pré-eleitoral de Eduardo Campos e Aécio Neves mira o PT em 05 frentes

Potenciais candidatos a presidente em 2014, Aécio Neves (PSDB) e Eduardo Campos (PSB) selaram cinco "pactos" durante jantar anteontem na casa do governador de Pernambuco, no Recife.

Os pontos acordados pelos dois presidenciáveis representam uma espécie de protocolo de não agressão nesse momento de pré-campanha, e miram o PT e a presidente Dilma Rousseff, cuja base o PSB de Campos integra.

O primeiro ponto acertado é que PSDB e PSB, partidos que ambos presidem, votarão contra a minirreforma eleitoral em tramitação no Senado, que visa encurtar a campanha de 2014 e reduzir a propaganda política.

Campos e Aécio entendem que a proposta, elaborada pelo peemedebista Romero Jucá (PMDB-RR), tem como propósito impedir que candidatos pouco conhecidos sejam apresentados aos eleitores.

"Diminuir a campanha é golpe. É preciso tempo para que as pessoas possam conhecer os candidatos'', disse Campos durante entrevista ao "Programa do Ratinho'', levada ao ar na noite do jantar.

O segundo ponto do pacto selado pelos pré-candidatos é que eles vão procurar explicitar ''sintonia nas teses de defesa do Estado e da democracia'', segundo o senador Cássio Cunha Lima (PSDB-PB), presente ao encontro.

Ambos deram aval à decisão do diplomata Eduardo Saboia de trazer ao Brasil o senador boliviano Roger Molina. Não foi combinado, garantem, mas a ideia é repetir esse tipo de posicionamento.

Na breve entrevista que concedeu após o jantar, Campos ressaltou essa ''convergência'' na defesa dos preceitos democráticos. "Não podemos fragilizar esses valores republicanos só porque tem o ano eleitoral'', disse.

O terceiro ponto de acordo foi que ambos farão publicamente a defesa do equilíbrio fiscal por parte da União.

O quarto pacto é de compromisso com o contraditório e o ''amplo debate'' de ideias. Trata-se de um recado direto a Dilma, a quem o governador de Pernambuco tem criticado por, segundo ele, ser pouco afeita ao diálogo.

Por fim, Campos e Aécio fizeram um balanço das sucessões nos Estados e enumeraram aqueles em que será possível unir PSDB e PSB e formar ''palanque duplo''.

Os casos com negociações mais avançadas são Paraná e São Paulo, mas há também tratativas em curso em Minas Gerais, Paraíba e Piauí. (Informações da Folha de São Paulo). 

Do Portal Interior da Bahia

Filadélfia: Prefeito Barbosa Jr recebe ameaça de morte, agora por telefone

O prefeito de Filadélfia, Barbosa Júnior (PDT), recebeu nova ameaça na última quinta-feira (29). Segundo uma telefonista da prefeitura, pela manhã, um homem ligou de um número não identificado dizendo que cometeria um atentado contra o prefeito.

Essa não foi a primeira vez que o prefeito de Filadélfia recebeu ameaças. Na semana passada, durante um evento no Povoado Várzea da Serra, um homem ameaçou Barbosa Júnior diante de várias testemunhas.

Outra informação dada por pessoas próximas a Barbosa Junior que ele recebe ameaças de morte desde o ano passado.

De acordo com a assessoria jurídica do município, as providências já estão sendo tomadas. "Já foram tomadas as medidas legais junto à Polícia Civil e as investigações já estão sendo realizadas. Também já está agendada uma reunião com o secretário de Segurança Pública, Maurício Barbosa, para que o Governo do Estado tome as providências necessárias para acabar com essas ações intimidadoras".

Do Portal Interior da Bahia/Fonte : Blog Fildélfia Ao-vivo

Portuguesa 4 x 2 Bahia: Blecaute total; Veja os gols

Em começo de partida, completamente mal-assombrado, atípico, completamente esquisito e em uma espécie de blecaute total, o Esporte Clube Bahia, irreconhecível e apagado, mal teve tempo para respirar hoje à noite contra a Portuguesa, no Canindé, e antes mesmo do relógio cravar os seis primeiros minutos de jogo, o tricolor já estava sendo goleado pela Portuguesa, até então vice-lanterna da competição por 3x0, em uma vantagem lusitana que inviabilizou qualquer sonho da torcida para a conquista dos três pontos, ou até mesmo de um empate nos outros 84 minutos restantes, sobrando, apenas, o reforço para que a goleada não se transformasse em vexame. 
O primeiro tempo só deu Portuguesa, que até mereceu um placar maior que os 3 x 0, não por qualidade ou méritos, mas sim pela deficiência e sonolência do adversário, já que o Bahia, em uma noite infeliz, não existia em campo, só chegou ao gol da Portuguesa aos 23 minutos de jogo e só teve um chance de gol, com Fernandão chutando para fora. Os gols da Portuguesa, nesta etapa , foram marcados por Moises Moura e Gilberto (2).

No segundo tempo, a Portuguesa naturalmente se acomodou e, como consequência, o Bahia melhorou, ameaçou reagir, fez 3 x 1 com Fernandão batendo pênaltis, mas uma melhora sem consistência, que logo foi brecada quando Bérgson, de cabeça, marcou o quatro gol dos paulista, enquanto Wallyson descontou para o Bahia, Fernandão ainda teve a chance de fazer o terceiro e desperdiçou o que seria um sopro de esperança na busca pelo empate, mas não deu e acabou com a Portuguesa quebrando um tabu de oito jogos sem vencer o Bahia, repetindo o placar de quatro gols (4 x 1) da sua última vitória em cima do Bahia, em 2009, pela décima quarta rodada do Campeonato Brasileiro da Serie B, em jogo realizado no Estádio Metropolitano de Pituaçu.

Com o resultado, o Bahia sem manteve na décima posição e com o complemento da rodada com os jogos de Domingo, o pior que pode acontecer, é o Esporte Clube Bahia encerrar a  rodada no 9º lugar, sendo ultrapassado pelo Internacional e Esporte Clube Vitória.

De cabeça inchada e precisando vencer para se reabilitar na competição e recuperar as posições perdidas, com o fiasco desta noite, o Bahia enfrenta nesta quarta-feira, às 21h50, o Cruzeiro, atual quarto colocado na Arena Fonte Nova, em partida válida pela décima oitava rodada do Brasileiro tipo A.


Portuguesa 4 x 2 Bahia: Veja os gols




FICHA TÉCNICA PORTUGUESA 4 X 2 BAHIA

Local: Estádio do Canindé, em São Paulo (SP)
Data: 31 de agosto de 2013, sábado
Horário: 18h30 (de Brasília)
Árbitro: Heber Roberto Lopes (SC)
Assistentes: Janette Mara Arcanjo (MG) e Celso Luiz da Silva (MG)
Árbitros adicionais: Wagner dos Santos Rocha (RJ) e Bruno Arleu de Araujo (RJ)

Cartões amarelos: Ferdinando (Portuguesa) e Raul (Bahia)

Gols: PORTUGUESA: Moisés Moura, a 1 minuto do primeiro tempo, Gilberto, aos quatro e aos sete minutos do primeiro tempo e Bergson, aos 15 minutos do segundo tempo
BAHIA: Fernandão, de pênalti, aos 10 minutos do segundo tempo, e Wallyson, aos 27 minutos do segundo tempo

PORTUGUESA: Lauro, Luis Ricardo, Moisés Moura, Valdomiro e Rogério; Ferdinando, Bruno Henrique, Moisés, Souza; Gilberto e Diogo
Técnico: Guto Ferreira

BAHIA: Marcelo Lomba; Madson, Lucas Fonseca, Titi e Raul; Rafael Miranda (Diones), Hélder, Fahel e Marquinhos Gabriel; Wallyson e Fernandão
Técnico: Cristóvão Borges

17º rodada Brasileiro da Série A

Bahia 4 x 2 Portuguesa
Goiás 0 x 0 Atlético-MG
Náutico-PE 1 x 4 Atletico-PR
Grêmio 1 x 0 Ponte Preta

Classificação  

Do Portal Futebol Bahiano

Fogo Simbólico percorre a região do sisal

fogo-simbolico
O tradicional Fogo Simbólico chega a sua 44ª edição este ano de 2013, atividade iniciada em Serrinha e de onde é dada a largada até os dias de hoje, percorrendo em três dias mais de 10 municípios do Território do Sisal.


O fogo está previsto chegar em Conceição do Coité por volta das 13h22 deste domingo,1º, antes passará por Retirolândia,Valente e Santaluz.

O ato cívico marca a abertura da Semana da Pátria e cada município que a tocha passa deixa uma pira acessa que permanece até o dia 7 de Setembro.

Uma equipe da cidade de Serrinha liderada pelo professor Luiz conhecido por Luiz da Bicicleta é também responsável pela organização e única a passar por todos os municípios. Os atletas serrinhenses servem também para ajudar os municípios que acabam tendo percurso aumentado por conta da não participação da cidade vizinha.

Como é o critério da condução da tocha?
fogo simbólico.3
O município através da secretaria de esporte/educação/cultura, seleciona entre 15 e 30 atletas que seguem em um carro e são distribuídos ao longo do percurso mantendo uma distância aproximada de 200 metros de um atleta para outro, o condutor da tocha passa para aquele que está aguardando e sobe em outro carro que vem atrás recolhendo atletas, após alcançar a lotação, esses mesmos atletas serão novamente postos no asfalto para pegar novamente a tocha e assim prossegue o rodízio até chegar a próxima cidade.


A tocha é acesa na pira que é colocada em frente ao coreto da Praça Luiz Nogueira em Serrinha, e a ordem e mantê-la acesa durante todo o percurso, no veículo de apoio é levado um galão contendo querosene e pavio para garantir a chama. A tocha só é apagada na chegada do ponto de partida, em Serrinha.  

Por: Raimundo Mascarenhas (Calila Notícias)

Preso acusado de duplo homicídio em Santa Bárbara


Raulindo da Luz dos Santos, 28 anos, o ‘Nino’, acusado de ser o autor de um duplo homicídio no município de Santa Bárbara, no dia 28 de agosto de 2012, foi apresentado à imprensa, na manhã desta sexta-feira, 30, pelo delegado Henrique Moraes, coordenador da 15ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin) - Serrinha.

O criminoso foi preso em cumprimento a um mandado de prisão expedido pela comarca de Santa Bárbara, na manhã de sexta-feira, 23, e encaminhado à carceragem da Delegacia Territorial (DT/Serrinha).

O duplo homicídio do qual é acusado aconteceu na Rua Edna Pires, no bairro do Areal e vitimou Gidean Leite Pereira, de 24 anos, e seu filho, Ruan Carlos Souza Pereira, de 2 anos e 4 meses. Ao Portal Clériston Silva – PCS – o acusado disse que havia sido jurado de morte pela vítima dias antes do crime. Ainda segundo ele, as ameaças teriam sido proferidas durante um desentendimento em um bar da cidade.

Segundo a delegada Joanice Santana, responsável pela DT local, testemunhas contaram que Gidean estava saindo de uma casa, com o filho no colo, quando foi abordado por Raulindo Santos e morto com tiros nos braços, na cabeça e no tórax.

A criança foi atingida na cabeça e morreu antes de ser socorrida. Depois do crime, o acusado disse que fugiu para Salvador, mas retornou à Santa Bárbara onde permaneceu escondido até o dia da prisão.

À época do crime, a mãe da criança foi ouvida pela delegada Joanice Santana e informou que Gidean já havia sido preso em Feira de Santana por porte ilegal de arma. Raulindo da Luz dos Santos também já tem passagens por assaltos em Feira de Santana, Serrinha e Paulo Afonso.

Do Portal Clériston Silva

Polícia Militar qualifica tropa do 16º BPM/Serrinha


A capacitação do policial militar é uma preocupação constante da Corporação. Nesse sentido, os policiais militares do 16º BPM de Serrinha receberam treinamento técnico e tático.

O Projeto Técnicas e Táticas Policiais Militares (PTTPM ) começou a ser executado em abril e formará cinco mil policiais por semestre em todo Estado. Em Serrinha, o treino de Tiro aconteceu em um estande de tiro localizado no Alto da Santa.

O contingente policial está sendo treinado por instrutores (Oficiais e Praças) das próprias Unidades Gestoras. Terão prioridade no treinamento os policias que atuam diretamente na área operacional (rádio-patrulhas).



De acordo com o Ten Cel PM Nivaldo Castro, Comandante do 16º Batalhão, este Projeto promoverá o nivelamento da tropa, correção dos procedimentos básicos que o encarregado da aplicação da Lei deverá adotar visando à inspeção de armas institucionais, tendo em vista a necessidade em constatar se a arma que irá portar durante o serviço está em perfeitas condições de funcionamento.


Em linhas gerais o PTTPM estabelece um plano de capacitação e treinamento periódico para todo o efetivo da PM, em diversas áreas, como Atualização em Legislação, Tiro Policial, Defesa Pessoal, Técnicas de Abordagens, Gerenciamento de Crise dentre outros.

Para o Comandante da Companhia de Emprego Tático Operacional (CETO), Tenente Charles Vieira, o treinamento eleva a auto-estima do Policial, “Cresce nele a auto-confiança, e cria um compromisso com a instituição e a sociedade”, avalia.


Treinamento dos policias militares do 16º BPM/Serrinha
Treinamento dos policias militares do 16º BPM/Serrinha

Treinamento dos policias militares do 16º BPM/Serrinha
Do Portal Clériston Silva

Veja o vídeo do jogo Bahia 0x0 Portuguesa pela Sul-Americana

                      

Santaluz: Jogador luzense é a nova aposta do Atlético MG

carlos_atletico-mg-fernandomartins
Depois da saída de Bernard do Atlético Mineiro, o atacante Carlos, de 18 anos, natural de Santaluz é a nova aposta do clube.
Já aos 15 anos, no ano seguinte à chegada ao clube, fez 28 gols pelo juvenil. Carlos é considerado uma joia rara, cuja lapidação foi brevemente interrompida com o chamado do técnico Cuca para integrar o grupo de profissionais. Porém, na última semana, após a chegada de Fernandinho e de Dátolo, Carlos voltou aos juniores, para reforçar a equipe que disputou a Taça BH de Futebol Júnior. Como esperado, o centroavante foi destaque e marcou cinco gols na competição. O Galinho acabou eliminado pelo Fluminense, nos pênaltis, nas quartas de final.
Carlos sempre foi precoce. Deu os primeiros passos no futebol ao disputar um torneio em Santos. Descoberto pelos mesmos olheiros de Robinho e Neymar, Carlos fez nove gols em dois jogos, diante de meninos que tinham dois anos a mais. Ao contrário das revelações santistas famosas, o atacante desembarcou em Vespasiano, levado por seu procurador e aprovado por André Figueiredo, diretor das categorias de base do Atlético-MG.
Em 2012, ele disputou o Campeonato Brasileiro. Já tinha ido para a Copa São Paulo, em janeiro, e já foi artilheiro do clube na Copa Brasil Sub-20. Era o jogador mais novo do elenco, mas não se amedrontou com a torcida nem com a pressão dos adversários.
rogeriomicale_gcom_fernandomartins
Rogério Micale, atual treinador dos juniores do Atlético-MG, foi quem subiu o jogador para a categoria que antecede aos profissionais. Com apenas 15 anos, Carlos chegou aos juniores com um ano a menos que o normal.
Micale explicou que a comparação com Bernard surgirá, já que o ex-camisa 11 do Galo marcou história no clube, por conta da conquista da Taça Libertadores e por ter sido a maior venda da história do Atlético-MG, cerca de R$ 76 milhões. Micale traçou, pelo menos em campo, as diferenças entre Bernard e Carlos.
- São características diferentes. Bernard é meia-atacante de muita habilidade e joga pelas beiradas. O Carlos é matador, faz muitos gols. Joga nas beiradas, sabe jogar por dentro, tem grande posicionamento, tem muitas variações.
Para o atual treinador de Carlos, que disputou a Taça BH de Juniores, fica o lamento por ter perdido jogador, mas também o orgulho por ver um pupilo em formação se consolidar como profissional.
- Claro que lamento por perder um jogador importante como ele, mas, pela formação, fico feliz por ver a continuidade da carreira dele. Temos que dar um tempo a ele, porque subiu antes mesmo do Bernard aos profissionais, logo no primeiro ano de juniores. É um talento precoce, mas é novo, e temos que ter cuidado com cobranças exageradas. Trabalhei com ele e sei do potencial. Tanto de uma futura venda, quanto de dar títulos.
No dia 10 de agosto, diante do Náutico, Carlos teve a chance de entrar no time profissional, aos 18 minutos do segundo tempo, em substituição a Rosinei. Mas, nos minutos em que ficou em campo, não teve nenhuma chance de gol e atuou pelo lado direito, onde travou bom duelo com Dadá e Leandro Amaro. Chegou a fazer tabela com Ronaldinho Gaúcho. Aquele dia ficará marcado para sempre na memória do tímido jogador.
- A expectativa em estrear era muito grande. Graças a Deus, deu tudo certo. Só por ter jogado ao lado de Ronaldinho Gaúcho, que é um ídolo desde os tempos de Barcelona, já foi bom.
Logo quando deixou o campo, na Arena Pernambuco, Carlos parecia aéreo, sem acreditar no que acabara de passar. Em uma das mãos, uma camisa do Galo, dentro de um saco plástico.
- Vou guardar essa camisa. Foi a que joguei pela primeira vez como profissional. Vou pedir autógrafo para o Ronaldinho e colocá-la na parede. Vou ainda gravar esse jogo para ter como lembrança, disse Carlos, sem esconder o sorriso e a felicidade pelo sonho realizado.
O atacante revelou que, quando a mãe, na Bahia, soube que ele havia sido relacionado pela primeira vez para um jogo profissional, não conseguiu conter a emoção.
- Minha mãe me ligou e, quando contei, chorou muito. Espero que tenha mais oportunidades.(Globoesporte)
Do Portal Rádio Sisal/Fonte: *A Voz do Campo

Corpo do forrozeiro Dominguinhos será exumado e removido para Garanhuns

O corpo de Dominguinhos será removido para Garanhuns. A decisão, deferida pela juíza Andréa Duarte Gomes, da Comarca de Paulista, foi publicada nesta sexta-feira (30), na página do Tribunal da Justiça de Pernambuco.

A remoção deve acontecer na segunda quinzena de setembro, quando fica pronto o mausoléu construído para receber o músico. O prefeito de Garanhuns, Izaías Régis, aguarda a visita dos herdeiros do sanfoneiro para acertar os últimos detalhes.

“O pedido do meu pai, enfim, será atendido. O meu sentimento é de alegria e de dever cumprido”, descreveu Mauro Morais, filho do primeiro casamento do músico.

O prefeito Izaías Régis revelou que a cidade está "ansiosa para receber o sanfoneiro". Estão sendo programada uma série de homenagens para o dia da chegada do corpo do ex-sanfoneiro. (Com informações do Diário de Pernambuco). 

Do Portal Interior da Bahia

Acec vence mais uma e chega à liderança do Sênior de Serrinha 2013

Na noite desta sexta-feira (30), o forte time do Acec bateu o então invicto Gravatá por  2x0  e Veteranos 2x1 Alto da Bandeira.

Com o triunfo o Acec se junta ao próprio Gravatá na liderança, com 9 pontos ganhos, já o Veteranos está em 3º, com 7.

Neste sábado, às 15h30min o Cajueiro joga em casa contra o Cruzeiro.

Campeonato dos Evangélicos

Na tarde deste sábado, no campo da Lixa vão ser realizados mais dois jogos pelo campeonato dos Evangélicos de Serrinha, também promovido pela Liga Desportiva Serrinhense (LDS).

Ministério Internacional da Renovação x Última Hora, às 16h e Igreja da Graça x Nova Aliança, às 17h. 

A Graça lidera o grupo A, com 4 pontos e a Última Hora é líder do grupo B, com 6 pontos.

Por Cival Anjos/Foto: Blog da LDS

sexta-feira, 30 de agosto de 2013

Recorde: A um gol do milésimo, Túlio Maravilha usará chuteira personalizada

A um gol de atingir o milésimo de sua carreira, segundo suas contas, o atacante Túlio Maravilha já prepara a festa para o capítulo final de sua carreira. Em parceria com a Puma, o jogador do Vilavelhense (ES) utilizará chuteira personalizada na busca pelo tento histórico.

No pé direito, é estampada a frase “Meu negócio é fazer...”, enquanto o esquerdo leva “... eu tenho essa mania” – em alusão à frase que Túlio disse durante a campanha do título brasileiro de 1995, em que marcou 23 gols e terminou na artilharia. Na ponta, ambas tem o número 1000.

A conquista também é lembrada em desenho do jogador levantando a taça da competição na parte interna da chuteira. Além disso, seis estrelas numeradas relembram os anos em que ele foi o maior goleador do nacional – três na Série A, uma na Série B e outra na Série C. “Ela resume o que é Túlio Maravilha, um dos maiores artilheiros do futebol mundial”, diz o atacante.

Túlio estreará a chuteira neste sábado, às 15h (de Brasília), quando o Vilavelhense visita a Desportiva, pela última rodada da primeira fase da Copa Espírito Santo. A homenagem, caso o gol mil saia, no entanto, é segredo.

"Se falar agora tira a surpresa da festa. Como esperei muito, vou segurar para o milésimo. É um segredinho que estou guardando a sete chaves", esconde. (Informações da Gazeta Esportiva). 

Do Portal Interior da Bahia

Juiz limita participação de crianças e adolescentes na Parada Gay de Alagoinhas


A Vara da Infância e da Juventude de Alagoinhas determinou limitar a participação de crianças e adolescentes na 7ª Parada Gay de Alagoinhas, através de portaria publicada nesta quinta-feira (29). 

Nela, a Justiça resolve que adolescentes entre 14 e 15 anos só poderão estar no evento caso estejam acompanhados de seus pais ou responsáveis legais. Já menores de 14 anos não poderão participar da manifestação.


A portaria considera que a Parada Gay tem atraído um público infantil e que menores de 18 anos não têm personalidade desenvolvida e nem maturidade para decidir sobre sua opção sexual. Afirma também que o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) "reputa inadequados espetáculos desta natureza, às crianças e adolescentes".

A decisão foi tomada pelo juiz substituto da Infância e Juventude na cidade, José Brandão Netto, que também é conhecido por tomar outras ações polêmicas envolvendo este público-alvo.

Apesar de ser pautada por questões da psicologia do desenvolvimento, nem todos os especialistas concordam com os princípios levantados pela portaria. A professora da Universidade do Estado da Bahia (Uneb), Juliana Prates, que é doutora em Estudos da Criança, não se posiciona a favor da medida. "Eu acho que é um pouco inadequado considerar que a manifestação condicionaria alguma tendência à sexualidade", explica, "Se pensarmos dessa forma, o adolescente não pode participar de absolutamente nada relacionado à sexualidade". Ela também denuncia que a portaria pode ser baseada em critérios de heteronormatividade.

A 7ª Parada Gay de Alagoinhas será realizada neste domingo (1º), das 15h às 21h. O evento será fiscalizado pela Polícia Militar e por agentes voluntários de proteção à criança e ao adolescente, para evitar o consumo de álcool por menores e garantir o cumprimento da portaria.

Os pais ou responsáveis que permitirem a permanência de menores sob sua guarda no evento estarão sujeitos a multa que varia de três a 20 salários-mínimos (R$ 13.560).


Do Portal Clériston Silva

Titi pode enfrentar a Portuguesa

Boa notícia para o torcedor do Bahia. Suspenso em julgamento realizado no início da semana, o zagueiro Titi foi beneficiado, nesta sexta-feira, com um efeito suspensivo e poderá encarar a Portuguesa neste sábado, em partida marcada para as 18h30m (horário de Brasília), no Canindé, pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro 2013. 
Titi foi suspenso em julgamento realizado na última terça-feira, por conta do cartão vermelho recebido na derrota para o Grêmio, válida pela 13ª rodada da Série A. O lance aconteceu após o defensor proteger uma bola que saía pela lateral, no segundo tempo do duelo. O zagueiro tricolor foi pressionado por Elano e acertou a mão na boca do jogador gremista.

Denunciado pelo auxiliar da partida, Titi recebeu cartão vermelho direto. Como já havia cumprido a suspensão automática, o atleta ficaria fora dos próximos três jogos do Bahia e só voltaria a atuar no segundo turno do Brasileirão.

Do Portal Futebol Bahiano

Barroquense Sadrack vai vestir as cores da Catuense na Copa Governador do Estado

Sadrak é um dos reforços| Foto: Divulgação
A Catuense que voltará a elite do futebol baiano em 2014 está focada atualmente na Copa do Governador, e vem reforçando o elenco para a competição. 

A confirmação da contratação do Barroquense Sadrack aconteceu na manhã da quinta-feira (28) além dele o meia Da Matta, que estava no Ypiranga chega para se juntar ao grupo. 

O Lateral-esquerdo Sadrak (ex-Bahia e Fluminense de Feira) e o Meio Da Matta, chegam bem avaliado pelo técnico Sérgio Odilon; “São bons atletas e vão nos ajudar na Copa. Devemos ter mais novidades até a semana que vem. A diretoria está em busca de mais reforços” – disse o treinador. 

A Catuca estreia na Copa Governador do Estado no dia 29 de setembro contra o Serrano, no Estádio Antônio Carneiro. 

Fundado em 1º de janeiro de 1974, a Catuense é uma agremiação de bonita história no futebol baiano. Apesar de nunca ter conquistado o Baianão, o clube bateu na trave nos anos de 1983, 1986, 1987 e 2003, quando foi vice-campeão. 

O Bem-te-vi foi rebaixado para a Segundona em 2007. Agora, seis anos depois, a Catuca, como é carinhosamente chamada, coroou a bela campanha com a conquista do retorno à elite.

@ Nossa Voz Esportes - com Informações do Bahia Notícias e Catuense.net

Estudante de Medicina é presa depois de ser flagrada com 1,5kg de cocaína


Foi presa na tarde desta quarta-feira (30) portando um quilo e meio de cocaína do tipo “nine-nine”, com 99% de teor de pureza, uma estudante de Medicina. 

Luciana Martins Ribeiro, de 22 anos, levava a droga em um fundo falso de sua mochila, quando foi detida num posto de combustível às margens da BR-116 entre as cidades de Serrinha e Teofilândia.  

A polícia quer saber a identidade do destinatário da droga em Serrinha.

A estudante que é natural de Rondônia disse em depoimento que saiu da Bolívia no domingo (25), de avião até Goiânia. De lá, ela partiu para a Bahia em um ônibus. Ela contou que um homem na Bolívia a contratou para fazer a entrega e ofereceu pelo serviço a quantia de US$ 2 mil quando retornasse ao país, onde cursa Medicina.

Um dos fatores que chamou atenção dos agentes do Departamento de Polícia Técnica (DPT), foi o  alto índice de pureza da substância. Estima-se que o quilo da droga seja vendido por cerca de R$ 50 mil. Autuada em flagrante, Luciana será encaminhada para o presídio de Feira de Santana.

Do Blog Ferraz e o Povo

Coiteense: União Juazeirense e Bahia de Almas prontos para a decisão no Vandão

Após o adiamento na semana passada em virtude do falecimento da mãe do jogador Inaldo , que atua em Juazeirinho , ficou definindo para domingo (dia 1º de setembro) a grande final do Coiteense 2013. “martelo batido”, ponta virada, BAHIA DE ALMAS X UNIÃO  JUAZEIRENSE decidirão a competição às 16 horas, no estádio Diovando Carneiro Cunha, (Vandão), na preliminar  as equipes de Santa Rosa e Bandiaçu vão decidir o terceiro lugar.

Bahia desfalcado  -  O treinador Dóga além de não contar com os atletas Liliu e Nino, cumprindo suspensão automática, os jogadores: Rone Serrinha, Lucas Paixão, Tóbinha, Max, Bita,  Rodolfo, Rauan, estarão de fora da final domingo, vale ressaltar, que  os atletas estão servindo as seleções no Intermunicipal e outras competições. Em contrapartida,  o treinador terá o meio campista de Serrinha,  Pemba e o experiente Crispim.

UNIÃO JUAZEIRENSE - Vai em busca da terceira conquista do coiteense , foi campeão em duas temporadas: em 1994 e 2001, respectivamente,  e agora volta a fazer mais uma final de campeonato. A diretoria da equipe estará fazendo uma homenagem ao primeiro presidente do União,  José Ébis Carneiro Morais, foi fundador desta agremiação. sendo o primeiro  presidente do clube .

O time deverá entrar com força máxima, os atletas Fábio Santos e Flávio devem vestir a camisa neste jogo, o zagueiro João Paulo é dúvida. Os demais estão confirmados, a exemplo do atacante Solonzinho, Mateus, Rodrigo, Bule, Brandão, Ivanzinho, Igor Maxixe e Binho. O árbitro designado para á final será Alfio Pinto Neto (foto).  A partida final do coiteense você pode conferir no site: HYPERLINK "http://www.radiojacuipeam.com" www.radiojacuipeam.com . Transmissão com Gilberto Oliveira, narração. Evandro nos comentários e nas reportagens: José Alcione e Valter Silva.
Alfio Pinto Neto
Treinador e jogador Sandro, campeão baiano de 2006 pelo Colo-Colo

Reportagem e fotos: Valter Silva

FBF reúne árbitros do Intermunicipal e Baianão Infantil e Juvenil

A Federação Bahiana de Futebol (FBF) realizou, nesta sexta-feira (30), mais uma reunião com árbitros que atuam no Intermunicipal 2013. Desta vez, além daqueles que trabalharão na 4ª rodada da maior competição de futebol amador do país, o encontro também contou com a participação de profissionais escalados para a estreia do Baianão Infantil e Juvenil 2013. 
No auditório da entidade, o presidente da FBF, Ednaldo Rodrigues, o presidente da Ceaf-BA, Wilson Paim e a coordenadora do Departamento de Arbitragem, Ana Paula Laranjeira orientaram os 28 profissionais que marcaram presença no evento. Representante da FBF no Centro-Norte, Gideão Soares foi mais um dirigente a participar dos trabalhos.

No encontro, os árbitros e assistentes foram alertados sobre a importância do cumprimento dos seus deveres, como preenchimento correto das súmulas e comportamento ético para que não interfiram no bom andamento dos duelos.
 
Os dirigentes também garantiram total apoio e reafirmaram que a entidade está à disposição da arbitragem para qualquer tipo de dúvida.
 
Ao final da reunião, o Departamento de Arbitragem fez a entrega dos materiais de trabalho utilizados por cada árbitro no campo de jogo.   


Confira a galeria de fotos: Galeria 01

Taça BH: Vitória vence o Sport e vai à final

Jogando hoje à noite pela semifinal da Taça BH de Futebol Junior, edição 2013, no Estádio Genival Alves Ramalho em Ouro Preto, o Esporte Clube Vitória brilhou outra vez e voltou encher de orgulho o torcedor rubro-negro, quando venceu o Sport-PE pelo placar de 3x0 para, desta forma brilhante, caminhar em passos largos buscando conquistar o Bicampeonato na segundo maior e mais importante torneio envolvendo as divisões de base do Brasil.  
Os gols foram marcados por Agdon, Marcone e Vínicius.

Agora o Esporte Clube Vitória vai encarar na grande final o Vasco da Gama, que superou o Fluminense nos pênaltis, em jogo realizado às 16h desta quinta-feira. A partida terminou no tempo normal em 1 a 1, com o time cruzmaltino da colina vencendo através das disputas de pênaltis pelo placar de 5 x 3. 

A grande final entre Vitória e Vasco acontece no próximo no sábado (31/08).  Em alguns instantes outros detalhes da partida.

Do Portal Futebol Bahiano

Jogador do Vitória pego no antidoping

De acordo com informações da imprensa esportiva de Salvador, o meia Escudero, do Vitória, foi pego no exame antidoping e ficará afastado dos gramados por 30 dias. 

O jogador estava lesionado e voltaria ao time rubro-negro contra o Criciúma, neste domingo (1º), pelo Campeonato Brasileiro. As informações são da rádio CBN.  

A assessoria do Esporte Clube Vitória ainda não se pronunciou sobre o assunto. No entanto, uma coletiva de imprensa foi convocada ainda para a tarde desta sexta-feira (30). Um médico do clube e um diretor devem ser os profissionais que falarão com a imprensa.

Do Portal Futebol Bahiano

Redes sociais: Imagem de cão crucificado causa polêmica

528
A foto foi postada no Twitter e no Facebook. De acordo com informações, Aaron Pino queria chamar atenção para conseguir patrocínio para suas atividades de skateboarding.


Na imagem o jovem aparece fazendo um sinal com a sua mão esquerda, enquanto segura, com a outra mão, uma cachorra pregada a uma cruz de madeira. 

O caso mobilizou a população, que resolveu fazer uma petição ao Governo Municipal de Tijuana pedindo que um processo criminal fosse aberto contra ele. O documento já reúne mais de 20 mil assinaturas.

Depois da repercussão negativa de sua atitude Aeron usou as próprias redes sociais para se desculpar e assumir que realmente não agiu corretamente. O rapaz afirmou que o cão já estava morto e que o encontrou em um rio. “Não pensei que isto sairia do controle, eu encontrei a cachorra morta e crucificada no rio. Me chamou muito a atenção, tirei uma foto e publiquei”, contou ele.

Apesar de suas justificativas, a população questiona o porquê de ter colocado a imagem nas redes sociais. Além disso, colocam alguns indícios que são contra os argumentos dele.

Segundo as pessoas, a madeira do crucifixo não tem marcas recentes de água; não há um rio na foto mas sim uma casa; o cão não tem traumatismos ou feridas visíveis, dentre outras observações.

um30P_dd7fca4ebf1dc009d20152d64c691e79
Outra foto do jovem também circula na internet em que ele aparece segurando a cabeça de um animal desconhecido e demonstrando satisfação com a sua atitude, pode ser prova de ele não é tão inocente quanto afirma.


Do Portal Calila Notícias, com informações da Folha da Bahia*